Linha 4

Publicidade

Eleições 2020: Convenções confirmam 11 candidatos à Prefeitura de Londrina; confira os nomes

Da Redação

Foto: Arquivo/Tarobá

O prazo para as convenções partidárias para as Eleições Municipais de 2020 terminou na noite desta quarta-feira (16). Londrina tem 11 nomes que devem disputar a prefeitura. 

O registro da candidatura pode ser feito na Justiça Eleitoral pela internet até às 8h do próximo dia 26 de setembro. O agendamento para atendimento presencial será feito pelos meios informados por cada Tribunal Regional Eleitoral (TRE) e cartórios eleitorais e estará disponível das 8h30 às 19h. O atendimento será marcado conforme a ordem de chegada dos pedidos - o interessado não poderá escolher o horário. Por isso, o presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Luís Roberto Barroso recomenda que partidos e candidatos não deixem o registro de candidatura para a última hora.

Durante esse período de 10 dias, candidatos podem desistir da candidatura e optarem por não registrar o resultado das convenções partidárias. Assim, o número de candidatos pode ser menor do que o previsto pelas convenções.


CONFIRA OS CANDIDATOS

Álvaro Júnior (PV)

Sem coligação, Álvaro Júnior concorre pela primeira vez ao cargo de prefeito. Ele já foi vereador em Londrina em 1989 e tem 61 anos. Luciano Henrique Mendes foi escolhido para compor a chapa.

Carlos Scalassara (PT)

O advogado trabalhista concorre pela primeira vez. Entre 2001 e 2004 foi procurador-geral do município e também já foi vice-presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) de Londrina. Como vice o nome escolhido foi Isabel Diniz. A coligação ainda não foi definida.

Emerson Petriv ‘Boa Aberta’ (PROS)

O então deputado federal vai concorrer ao cargo de prefeito tendo seu filho, Boca Aberta Júnior, como vice para compor a chapa. Ele foi vereador de Londrina entre 2016 e 2017. Sem coligação.

Filipe Barros (PSL)

Filipe já foi vereador de Londrina e em 2018 foi eleito deputado federal e irá concorrer à prefeitura. A assessoria informou que o partido ainda não definiu a coligação e nem o nome para vice.

Júnior Rosa (Republicano)

Sem coligação, Júnior Rosa irá concorrer à prefeitura com Sueli Rizzi como vice. Em 2012 ele se candidatou a vereador e assumiu como suplente, depois foi reeleito mais duas vezes. Júnior é ligado à igreja e causas sociais.

Homero Barbosa Neto (PDT)

Barbosa Neto irá compor a chapa tendo Inês Domingos Stadler como vice. Ele já foi prefeito de Londrina e também é ex-deputado federal e estadual. A coligação não foi informada até o fechamento da matéria.

Marcelo Belinati (PP)

O atual prefeito de Londrina vai concorrer à reeleição com o vice João Mendonça. Ele é médico e advogado. A coligação anunciada foi com o PL, Patriota, PSDB, PTB e Solidariedade.

Márcio Fernando Stamm (Podemos)

Márcio Stamm é advogado, empresário e foi chefe de gabinete na Prefeitura de Londrina entre 2013 e 2016.  Ele irá concorrer à prefeitura e o nome do vice ainda não foi confirmado pela comissão responsável. A coligação anunciada é com o Cidadania.

Márcio Sanches (PC do B)

Sem coligação, o sociólogo e publicitário irá concorrer ao cargo de prefeito com Osvaldo Lima compondo a chapa como vice.

Nelson Águila Misuta (MDB)

Nelson é delegado aposentado, arquiteto, advogado e professor de direito e irá concorrer ao cargo de prefeito. Ciro Novaes irá compor a chapa como vice. A coligação é com o PMN e DC.

Tiago Amaral (PSB)

O advogado Tiago Amaral está no 2º mandato como deputado estadual e foi vice-líder do governo Ratinho Júnior na Assembleia Legislativa do Paraná até junho de 2020. A coligação Londrina Forte de Novo reúne o DEM, PSB, PSD e PSC. O vice ainda não foi definido.


COMENTÁRIOS

Publicidade