Linha 4

Publicidade

Evandro Roman assume vaga de Ney Leprevost na Câmara Federal

Redação Tarobá News

Evandro Rogério Roman (Erval Grande, 3 de março de 1973) é um ex-árbitro de futebol e político brasileiro. Foi secretário de Esportes do Estado do Paraná. Árbitro CBF e Fifa. Deputado Federal pelo PSD-PR, eleito com 92.042 votos em 2014.


Vida política

Em Dezembro de 2010, o governador eleito do Estado do Paraná, Beto Richa, anunciou Roman como Secretário Especial do Esporte. Roman assumiu o cargo no dia primeiro de janeiro de 2011. No dia 16 de dezembro do mesmo ano, o governador sancionou a lei estadual que criou a Secretaria de Estado do Esporte, com Roman assumindo o cargo de Secretário de Estado do Esporte.

No dia 28 de março de 2012, Roman recebeu a Medalha do Mérito Reynaldo Ramon, entregue pelo Presidente do Conselho Regional de Educação Física da 9ª Região do Estado do Paraná, Antônio Eduardo Branco.

Roman filiou-se ao Partido Social Democrático em maio de 2013 durante um encontro regional do partido.

Em 2014, foi eleito deputado federal pelo PSD, com mais de 92 mil votos. Em 17 de abril de 2016, Roman votou pela abertura do processo de impeachment de Dilma Rousseff.

Em agosto de 2017 votou pelo arquivamento da denúncia de corrupção passiva do presidente Michel Temer, cujo índice de aprovação era o pior de um presidente desde a ditadura militar.

Em 2018 concorreu novamente a Câmara Federal, tendo ficado como 1º suplente pelo PSD, mas foi reconduzido ao cargo de deputado federal, com a escolha de Ney Leprevost para assumir uma secretaria no Governo do Paraná. Assim

COMENTÁRIOS

Publicidade

Publicidade

Nós usamos cookies teste site para lhe proporcionar a melhor experiência possível lembrando de preferências em visitas anteriores. Clicando em "Aceitar" você aceita o uso de cookies e nossos Termos de Uso.