Justiça nega pedido de prefeito Zezinho para retomar o cargo

Redação Tarobá News
Política | Publicado em 20/01/2020 às 19:52

O pedido feito pelo prefeito cassado Jose Romualdo Pedro (PR) para retomar o cargo foi negado pela Justiça nesta segunda-feira (20).

Na decisão, a juíza Nícia Kirchkein Cardoso não encontrou irregularidades no processo de cassação.

A Câmara de Vereadores de Lindoeste votou no dia 6 de janeiro. 

Dos nove vereadores do paço seis votaram a favor da cassação de Zezinho, dois votaram contrario e o vereador Cidinho não compareceu.

José Romualdo Pedro, o Zezinho, afirmou que não há nenhuma prova de desvio de recurso veiculada em seu nome, pois ele mesmo determinou que fosse feita a investigação, porém, foi negada prova de perícia da assinatura.

Quem assumiu o cargo foi Alessandra Bueno da Silva (PPS).

Leia mais: "Foi um processo político", diz prefeito que teve mandato cassado

Após cassação de prefeito, clima não é dos melhores em Lindoeste

Prefeito Zezinho tem mandato cassado em Lindoeste



Relacionados

Política | 26-02-2020 14:00

Gleisi anuncia manifestações para enfrentar 'escalada autoritária' de Bolsonaro

Gleisi anuncia manifestações para enfrentar 'escalada autoritária' de Bolsonaro

Política | 26-02-2020 11:15

Bolsonaro divulga vídeo para ato contra o Congresso Nacional

Bolsonaro divulga vídeo para ato contra o Congresso Nacional

Política | 26-02-2020 08:15

Lula cobra posição 'urgente' do Congresso contra vídeo de Bolsonaro

Lula cobra posição 'urgente' do Congresso contra vídeo de Bolsonaro

Política | 26-02-2020 07:30

Tucanos cobram uma 'reação' do PSDB ao governo Bolsonaro

Tucanos cobram uma 'reação' do PSDB ao governo Bolsonaro