Linha 4

Publicidade

Vereador preso acusado de tráfico toma posse e se defende: 'a democracia foi feita'

Murilo Pajolla

O vereador Diogo Canata (PL), que está preso e tomou posse de dentro da cadeia nesta quarta-feira (13), alegou inocência das acusações de tráfico de drogas. Em entrevista exclusiva à Tarobá, ele disse estar confiante de que vai provar sua inocência e estuda quais estratégias jurídicas adotar para garantir a continuidade do mandato. 

LEIA MAIS: Vereador toma posse de dentro cadeia na região de Londrina

Mesmo preso durante a campanha, Canata foi eleito pelo terceiro mandato para a Câmara de Alvorada do Sul com 251 votos, o quarto mais votado da cidade. 

"Isso é devido ao trabalho da gente. Fiz um trabalho muito bom no município. E através disso tudo está demonstrado que a democracia foi feita, a população tem o direito de votar e me elegeu", afirmou. 

Com o salário suspenso, ele terá que assumir o mandato em 120 dias. Caso isso não aconteça, terá que entregar o cargo para o suplente. Confira a entrevista completa no vídeo acima! 

COMENTÁRIOS

Publicidade

Publicidade