Linha 4

Publicidade

Pix entra em funcionamento

Redação Tarobá News

Instantâneo, o Pix começou a funcionar nesta semana. Trata-se de um novo meio de pagamento desenvolvido pelo Banco Central que permite transferir, pagar e receber dinheiro 24 horas por dia, sete dias da semana, inclusive nos feriados. Para isso, é preciso usar chaves (cadastradas pelo próprio usuário), QR Code ou dados bancários. 

Podem ser cadastrados até cinco chaves por conta conta-corrente pessoa física e até 20 para pessoas jurídicas. As chaves podem ser CPF, CNPJ, número de telefone, e-mail ou aleatória. “Cada chave só pode ser registrada em uma conta-corrente, ou seja, se o associado for titular de duas contas, poderá ter o CPF registrado como chave em apenas uma, o mesmo vale para CNPJ ou qualquer outra”, explica a assessora de meios de pagamento da Sicredi União PR/SP, Vânia Cassamalli.

Ela explica que esse tipo de pagamento é mais rápido e barato, já que é de graça para pessoas físicas e é mais barato do que outros serviços, como DOC (Documento de Ordem de Crédito) e TED (Transferência Eletrônica Disponível) - cada instituição financeira determina o valor do serviço. Todas as operações serão criptografadas, rastreadas e monitoradas 24 horas por dia, seguindo rigorosos protocolos e com um sistema que se comunica diretamente com o Banco Central, para evitar fraudes.

O Sicredi iniciou o cadastro de chaves dos associados no início de outubro no aplicativo disponibilizado para pessoas físicas e jurídicas. Por isso, é preciso ter conta-corrente ou poupança na cooperativa. Até o dia 12 deste mês a Sicredi União PR/SP tinha 41.786 chaves cadastradas de pessoas físicas e jurídicas.

Mesmo com o Pix, os consumidores terão a oportunidade de usar as alternativas tradicionais para movimentação de valores como DOC ou TED. Em caso de dúvidas, basta procurar um gerente.

Assessoria 

COMENTÁRIOS

Publicidade

Publicidade