Londrina
Cascavel

TV Tarobá

Tarobá FM

  • Londrina
  • Cascavel

Motorista diz que mulher tentou subir no caminhão em movimento antes de cair e morrer

19/10/20 às 16:45 - Escrito por Redação Tarobá News

O caminhoneiro que atropelou uma mulher na madrugada desta segunda-feira, 19, se apresentou e contou sua versão do fato para a Polícia Civil. De acordo com ele, a mulher tentou subir no caminhão em movimento, antes de cair e morrer atropelada pelo próprio veículo. O acidente aconteceu por volta das 6h da manhã, na Avenida JK. A vítima, identificada como Jessica da Silva Padilha, 31 anos, estava grávida de 4 meses.

Segundo a delegada, Dra. Araci Carmem Costa, o caminhoneiro, que estava chegando em Foz para realização de um serviço, disse que reduziu a velocidade para passar pelo radar próximo ao viaduto da BR-277 com a Avenida Tancredo Neves. Neste momento a mulher teria subido na porta do veículo e passado a gritar para que ele parasse o caminhão.

O motorista, que estava acompanhado de um ajudante, teria pensado que fosse um assalto. Para não correr risco, ele não parou. E a mulher seguiu agarrada a porta, gritando e batendo no vidro. Já próximo ao semáforo, a vítima se desequilibrou e caiu na pista. Não houve tempo para frear e o caminhão atingiu a mulher, que morreu no local.

O motorista foi ouvido e liberado. “Como ele se apresentou voluntariamente, não foi expedido o mandado de prisão, por que a lei assim prevê” explicou a delegada. Ainda de acordo com ela, o motorista não ficou no local por medo de que fosse assalto.

Fonte: Rádio Cultura Foz

Leia mais: Motorista diz que mulher tentou subir no caminhão em movimento antes de cair e morrer

© Copyright 2022 Grupo Tarobá