Por que o jejum intermitente é tão popular para perder peso?

Redação Tarobá News
06/06/2019 10:40

O chamado jejum intermitente tem se tornado uma forma popular de perder peso. Resumidamente, consiste em deixar de comer ou em reduzir muito a alimentação durante um determinado período de tempo. Mas de onde vem o apelo desta prática? Ela realmente funciona?

Independentemente de você adotar o padrão 5:2 (cinco dias de alimentação normal e dois de consumo bem restrito) ou 16:8 (dezesseis horas sem comer seguidas de uma janela de oito horas para se alimentar), para perder peso é preciso ficar atento aos alimentos que você vai escolher quando terminar o período de abstinência.

Recentemente, o CEO do Twitter, Jack Dorsey, ganhou as manchetes ao dizer que só comia uma refeição por dia. A declaração causou muita discussão nas redes sociais, com críticos dizendo que se tratava de uma dieta extrema.

Mas talvez Dorsey estivesse apenas seguindo a última tendência.

De acordo com um levantamento da fundação Conselho Internacional para Informação sobre Alimentação, o jejum intermitente foi a dieta mais popular do ano passado.

Padrões de jejum

Praticantes do jejum intermitente alegam que é uma boa forma de perder

O padrão 16:8 consiste em jejuar durante 16 horas seguidas no dia, e concentrar as refeições em uma janela de oito horas. Geralmente, é feito com refeições permitidas somente de meio-dia às 20h;

O padrão 5:2 consiste em comer apenas 25% das calorias normais durante dois dias não consecutivos (terça e quinta, por exemplo) ao longo de uma semana;

Há também o jejum completo de 24h, praticado uma vez por semana ou por mês.

Leia mais - CLIQUE AQUI