Conheça o Projeto "Sharing Cam" de monitoramento colaborativo

Redação Tarobá News
Monitoramento | Publicado em 26/06/2019 às 16:08

Os desafios da gestão de uma sociedade segura passam pela implementação de tecnologias que permitam que, com muito menos recursos humanos e materiais, seja possível agir de forma mais proativa no combate à criminalidade.

O Projeto ‘’Sharing Cam’’ é uma iniciativa que visa alcançar 10.000 câmeras instaladas em toda a região Oeste do Paraná nos próximos três anos, com o propósito primordial de inibir ações criminosas, potencializar as ferramentas tecnológicas em prol da segurança pública e corroborar, consequentemente, para o bem-estar social. O programa será um importante aliado do poder público para prevenir, detectar e intervir em situações de ocorrências diversas além de servir de aporte para a manutenção da integridade do espaço público.

O modelo operacional do sistema viabiliza a integração das imagens com o Comando da Guarda Municipal, que podem ser compartilhadas com os demais órgãos de segurança (Polícia Militar e Civil), sendo possível a realização, em tempo real, de triagem para acompanhamentos de ações que se desenvolvem nas áreas abrangidas pelo sistema.

O principal diferencial do programa é a participação da sociedade. Para fomentar a ampla rede de monitoramento proposta pelo projeto, além das câmeras já adquiridas pelos órgãos públicos, poderão ser integradas câmeras de segurança residenciais e de pontos comerciais (desde que compatíveis com a tecnologia utilizada e que estejam em condições de funcionamento). A fim de viabilizar o acesso ao projeto por pessoas que não possuem câmeras, será disponibilizado, sem custos de equipamento, a quantidade acordada - conforme demanda apresentada.

Como funciona

O projeto é montado sob uma plataforma de câmeras em nuvem onde os participantes do projeto podem gerenciar as imagens através de aplicativo e via web, facilitando o acesso às imagens de seu sistema. 

Todo armazenamento de imagens é feito em nuvem dispensando a gravação local e melhorando a segurança com relação à guarda das imagens que poderão ser gravadas de forma ininterrupta por até 30 dias, de acordo com o pacote de gravação escolhido pelo Associado. A consulta de imagens pode ser feita pelo aplicativo no celular de forma simples e ágil. 

O acesso pode ser compartilhado com dois ou mais usuários simultaneamente, possibilitando tornar câmeras privadas acessíveis para um grupo de pessoas selecionadas. Assim é possível compartilhar imagens do estabelecimento com todos as pessoas responsáveis pelo patrimônio, ou mesmo publicamente, facilitando a fiscalização e a segurança.

Leia tudo sobre o projeto - CLIQUE AQUI



Relacionados

Monitoramento | 26-06-2019 16:10

Câmeras de segurança serão instaladas em bairros da região Norte

Câmeras de segurança serão instaladas em bairros da região Norte

Monitoramento | 26-06-2019 16:09

As vantagens do rastreamento veicular

As vantagens do rastreamento veicular

PUBLICIDADE