Jogos Olímpicos de Tóquio terão início em dia 23 de julho de 2021, afirma TV NHK

Estadão Conteúdo
Atletismo | Publicado em 28/03/2020 às 21:17

A cerimônia de abertura dos Jogos de Tóquio deverá ser dia 23 de julho de 2021. A informação, que ainda não é oficial, foi dada, neste sábado, pela TV japonesa NHK, do Japão. As Paralimpíadas aconteceriam de 24 de agosto a 5 de setembro. Mas é preciso confirmação por parte do Comitê Olímpico Internacional (COI).

A data, segundo a imprensa japonesa, além de ser praticamente igual à deste ano, com relação ao clima do país, também proporciona um tempo maior de prevenção com relação à covid-19, além de condições melhores para as disputas dos torneios classificatórios.

A programação dos Jogos não sofreria alterações. Já no dia 23 de julho, a primeira disputa seria no tiro e a última medalha seria entregue em 8 de agosto, com a decisão do polo aquático masculino.

"O acordo é realizar os Jogos Olímpicos o mais tardar no verão de 2021 do Hemisfério Norte", afirmou Thomas Bach, presidente do COI, no início desta semana.

Yoshiro Mori, presidente do Comitê Organizador dos Jogos, enviou, também neste sábado, uma carta às 33 federações internacionais de esportes olímpicos, alertando sobre os desafios de bancar os custos extras do adiamento por causa da pandemia do coronavírus. O valor estimado é de US$ 2,7 bilhões (cerca de 13,5 bilhões).



Relacionados

Atletismo | 18-05-2020 08:50

Maurren Maggi lidera iniciativa que busca valorização da mulher no esporte

Maurren Maggi lidera iniciativa que busca valorização da mulher no esporte

Cascavel | 07-05-2020 13:34

Direção do Centro de Atletismo revela que local pode ser usado ainda este ano

Direção do Centro de Atletismo revela que local pode ser usado ainda este ano

Londrina | 20-04-2020 18:27

Londrina Atletismo adapta treinos para manter ritmo na quarentena

Londrina Atletismo adapta treinos para manter ritmo na quarentena

Atletismo | 08-04-2020 09:05

Italiano finalista dos 800 metros em Los Angeles-1984 morre por coronavírus

Italiano finalista dos 800 metros em Los Angeles-1984 morre por coronavírus