Londrina
Cascavel
  • Londrina
  • Cascavel

Ellen é eliminada, mas ganha convite para trabalhar com jurados

28/09/22 às 07:12 - Escrito por Band
siga o Tarobá News no Google News!

Chegou ao fim a jornada de Ellen no MasterChef Profissionais, mas o sonho está apenas começando para a pernambucana. Após ter tido desempenho negativo na prova dos frutos do mar, a cozinheira deixou o programa sendo elogiada pelos jurados e recebeu um convite especial de Erick Jacquin. O francês a chamou para trabalhar ao lado dele, de Helena Rizzo ou de Henrique Fogaça. “Escolhe o restaurante”, orientou animado.  


Prestigiada, a cozinheira ainda conversou com Ana Paula Padrão, no vestiário. A apresentadora exaltou o quanto a participação dela no MasterChef, enquanto mulher, nordestina e preta, foi representativa e importante. Mais tarde, em entrevista ao Band.com.br, Ellen descreveu o sentimento da noite como “felicidade e leveza”.  


Aos 24 anos, ela sabe que tem muitas oportunidades pela frente e planeja abraçar cada uma delas. Continuar aprendendo ao lado dos jurados é o que mais a deixa empolgada no momento. “Quero agarrar as três oportunidades, se possível, e trabalhar com todos eles. Sou nova e tenho sede de aprender e descobrir coisas novas. Agradeço muito e acho que são chances para expandir a minha meta e conseguir experiência além do programa. Foi a melhor parte”, reflete.  

Leia mais:

Imagem de destaque
G20

Ministros de Finanças se reúnem em São Paulo nesta semana

Imagem de destaque
DE VÁRIOS ESTADOS

Ato reúne apoiadores do ex-presidente Bolsonaro em São Paulo

Imagem de destaque
COM ADICIONAL

Caixa paga Bolsa Família a beneficiários com NIS de final 7

Imagem de destaque
CARIBE

Lula deve abordar crise entre Guiana e Venezuela em viagem


Quando entrou no talent show, a cozinheira queria honrar os pais e mostrar o tempero nordestino para o Brasil. Deu certo! Além de ter preparado receitas, como moqueca e galinhada, que encantaram os chefs, ela surpreendeu a si mesma. Ellen admite que algumas vezes, olhando para os anos de experiência dos outros competidores, chegou a duvidar de si mesma, mas a insegurança ficou para trás.  


“Foi um risco muito grande, nunca pensei que chegaria ao terceiro episódio. Eu pensava o tempo todo que não ia conseguir e nunca fiz metas para a final, trabalhava pensando em um programa por vez”, revela. O tempo na cozinha desacelerou a ansiedade e contribuiu na autoestima: “Estou saindo muito orgulhosa de mim, acho que orgulhei também todo mundo que me apoiou.” 

O que deu errado? 

É comum no MasterChef que cozinheiros experientes deixem o programa em provas cujo tema dominam. Assim aconteceu com Ellen, que é especialista em carnes, e não garantiu destaque no leilão de cortes bovinos. Em seguida, na prova de frutos do mar, ela serviu entradas que, segundo Jacquin, estavam “desequilibradas”: faltou tempero no polvo, a moqueca ficou pesada e o lagostim desapareceu. 

 

Ela concorda com a avaliação, mas diz que não se arrepende das escolhas que fez. “Trabalhei tranquila, fiz o que queria e estava segura”, pondera. Se pudesse voltar no tempo, sua única troca seria preparar camarão ao invés de lagostim e servir a moqueca em uma porção menor. De resto, a nordestina segue ciente de que fez o melhor que podia.  


"Consegui viver cada momento que o MasterChef proporcionou. Senti os prazeres do mezanino, a emoção de ter um prato destaque e levo muitas experiências. Faria tudo de novo, sem dúvidas.” 


A partir de agora, a torcida fica para Marília, com quem criou forte afinidade no jogo. “Foi a pessoa que fiquei mais próxima. Espero que ela consiga chegar até a final e mostre o que sabe. Também torço pelo Diego, que foi um paizão para mim”, finaliza. Boa sorte, Ellen! 

© Copyright 2023 Grupo Tarobá