Londrina
Cascavel
  • Londrina
  • Cascavel

Guaíba tem ondas e moradores precisam sair de casas em Porto Alegre

14/05/24 às 15:56 - Escrito por UOL
siga o Tarobá News no Google News!

A subida de nível da água e os fortes ventos que atingem Porto Alegre nesta terça-feira (14) criam ondas no Guaíba. Na noite desta segunda, um bairro foi parcialmente evacuado na capital.


O que aconteceu

A medição das 8h desta terça-feira (14) mostra água com 5,21 metros de altura. O número é mais de dois metros acima da cota de inundação da cidade.

Leia mais:

Imagem de destaque
PACIENTES

Auxílio para pessoas com transtorno mental tem aumento de R$ 255

Imagem de destaque
CONVIDADA

Mesatenista Carla Maia vai disputar Paralimpíada de Paris

Imagem de destaque
CESTAS BÁSICAS

Exército leva nesta terça 75 toneladas de donativos para o RS

Imagem para ilustrar o sorteio da mega-sena. Crédito para agência Brasil
APOSTAS ABERTAS

Mega-Sena sorteia nesta terça-feira prêmio de R$ 35 milhões


As ondas são causadas por um vento sul, que também trouxe o frio para o estado. Nesta manhã, fazia 11ºC em Porto Alegre.


Previsão é de que medição da água ultrapasse a semana anterior e bata novo recorde. A Defesa Civil e especialistas da UFRGS esperam que o nível da água chegue a 5,5 metros, aquele que deve ser o maior número já medido.


Moradores foram orientados a sair de casa no bairro Lami, no extremo sul de Porto Alegre. A Brigada Militar ajudou a retirar pelo menos 30 pessoas do local e elas foram encaminhadas ao Clube Lajeado, segundo o órgão. Nem todos os moradores aceitaram deixar as residências.


Prefeitura afirma que retirada de moradores foi "ação pontual". Em nota, a Defesa Civil Municipal afirmou que não houve evacuação do bairro e que a operação foi para retirada de pessoas de áreas alagadas.


Prefeitura faz barricada em torno do Guaíba


Barricadas de areias na usina do gasômetro. A prefeitura instalou duas barreiras improvisada com sacos de areia para tentar evitar que casas de bombas na avenida Duque de Caxias e na Usina do Gasômetro sejam atingidas pela água.


No momento, há três alertas do Instituto Nacional de Meteorologia para o RS. Dois deles são de perigo potencial, para geada e ventos costeiros. O terceiro é de perigo por declínio acentuado de temperatura (quando os termômetros baixam mais de 5ºC em um dia)

Notícias relacionadas

© Copyright 2023 Grupo Tarobá