Londrina
Cascavel
  • Londrina
  • Cascavel

Polícia pede prisão de dono de Porsche que matou motorista em SP

06/04/24 às 22:12 - Escrito por Band
siga o Tarobá News no Google News!

A Polícia Civil de São Paulo pediu novamente a prisão, agora preventiva, do empresário Fernando Sastre de Andrade Filho. O empresário era o condutor da Porsche que atingiu e matou o motorista de aplicativo Ornaldo Viana, no último domingo (31). 


O acidente ocorreu na Avenida Salim Farah Maluf, no Tatuapé, na Zona Leste da capital paulista, na madrugada de Páscoa. No novo pedido, o delegado Nelson Vinícius Alves faz o pedido com base em três argumentos. 


O primeiro alega que a prisão visa a garantia da ordem pública, pois Fernando Sastre teria cometido crime de extrema gravidade e que, ao parecer da Polícia Civil, poderia cometer outro delito de trânsito de mesma forma. “Há que se falar que causou o clamor público, deixando a sociedade indignada”, diz o pedido. 

Leia mais:

Imagem de destaque
PUBLICADA

MP do Auxílio Reconstrução do Rio Grande do Sul entra em vigor

Imagem de destaque
COMBATE À DESINFORMAÇÃO

Compartilhe a verdade: informações seguras sobre as chuvas no RS

Imagem de destaque
MINISTRO ANUNCIOU

Autoridade federal vai atuar no Rio Grande do Sul durante calamidade

Imagem de destaque
SEGUNDO GOVERNO

RS: com 3% da população gaúcha, Canoas lidera ranking de desabrigados


No segundo argumento, o delegado aponta que é preciso manter a conveniência da instrução criminal. Segundo Nelson Vinícius Alves, Fernando Sastre, por ter poder aquisitivo elevado, poderia “ameaçar ou subornar testemunhas, e até a vítima, para que prestem depoimento favorável a ele em juízo, podendo forjar provas em seu favor”. 


Por último, o delegado pontua a garantira da futura aplicação da lei penal, já que haveria o risco de Fernando Sastre fugir, mesmo tendo se apresentado na delegacia. “Tendo em vista o mesmo e seus familiares terem poder aquisitivo elevado, não há empecilhos de sua fuga para outra localidade”, pontua o documento. 

Notícias relacionadas

© Copyright 2023 Grupo Tarobá