Linha 4

Publicidade

Vídeo: homem morre após ser agredido por seguranças do Carrefour no RS

Ellen Santos

Um homem negro de 40 anos morreu após ter sido agredido brutalmente por seguranças do supermercado Carrefour, em Porto Alegre na noite de quinta-feira (19).

João Alberto Silveira Freitas estava no mercado com a esposa e acabou discutindo com uma funcionária do local. A mulher chamou os seguranças, que levaram o homem pra fora e o agrediram.

Vídeos compartilhados nas redes sociais mostram o momento em que João está sendo agredido por dois homens do lado de fora do estabelecimento. Eles chegam a derrubar João no chão e dão vários socos na cabeça. Ele chegou a ser socorrido, mas não resistiu e morreu.

O caso está sendo investigado pela Delegacia de Homicídios de Porto Alegre. Já os dois seguranças foram detidos em flagrante por homicídio qualificado.

O Carrefour se pronunciou sobre o episódios e afirma que vai romper o contrato com a empresa.

Este não é o primeiro episódio revoltante praticado por seguranças do local. No dia 28 de novembro de 2018, um funcionário matou o cachorro 'Manchinha' com uma barra de ferro.

O segurança, que não teve o nome divulgado, responde em liberdade pelo crime de abuso e maus-tratos a animais, que é considerado de menor potencial ofensivo, ou seja, mesmo que seja condenado, ele não irá para a prisão.

Leia mais: Polícia aponta segurança como autor da morte de cachorro no Carrefour

COMENTÁRIOS

Publicidade