Linha 4

Publicidade

Argentina volta a cobrar por testes rápidos para estrangeiros

Redação Tarobá News

A Argentina voltou a exigir a apresentação de exame negativo contra a Covid-19, exceto para moradores de cidades de fronteira.

A medida foi anunciada pelo governo da província de missiones recentemente, depois de perceber a grande movimentação de estrangeiros que atravessam a fronteira. Então agora é exigido a cobrança do exame RT-PCR ou antígeno, para pessoas que vão entrar na Argentina. Se essas pessoas moram em um raio de 50 km, não é necessário a realização desse teste, apenas apresentar comprovante que moram nessa cidade, e também o comprovante de vacinação.

São vários pontos de entrada ao estado de Missiones, não só por Foz, mas também nas cidades de Barracão, Santo Antônio do sudoeste e Encarnación no Paraguai. Segundo o Governo de Missiones, cerca de 15 mil estrangeiros entram diariamente no estado.

Veja mais detalhes na reportagem de Vinicius Machado, exibida no Jornal Tarobá 1ª Edição.

COMENTÁRIOS

Publicidade

Publicidade

Nós usamos cookies teste site para lhe proporcionar a melhor experiência possível lembrando de preferências em visitas anteriores. Clicando em "Aceitar" você aceita o uso de cookies e nossos Termos de Uso.