Londrina
Cascavel
  • Londrina
  • Cascavel

BR-369 é classificada como a 16ª rodovia mais perigosa do Brasil, segundo a PRF

26/01/24 às 08:57 - Escrito por Redação Tarobá News
siga o Tarobá News no Google News!

A BR-369 foi classificada como a 16ª rodovia mais perigosa do Brasil, segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF). No trecho de Londrina, foram 1.044 acidentes em 2022 e 1.048 no ano passado. Segundo João Barioni, agente da PRF, existem quatro pontos críticos, sendo o pior trecho localizado em Londrina.

 

“A PRF mapeia as rodovias brasileiras em um trecho de cada 10 km e a delegacia por ser muito grande, possui quatro pontos críticos, sendo de Cambé, Ibiporã, Arapongas e Londrina. O pior trecho é de Londrina, causado mortes, mutilações, famílias sofrendo e pessoas em idade produtiva perecendo”, afirmou o agente.

Leia mais:

Imagem de destaque
AUMENTO NÃO ANUNCIADO

Preço da gasolina sofre um aumento de R$ 0,40 em postos de combustíveis

Imagem de destaque
RACHA BR-369

MP oferece denúncia por racha e homicídio doloso à Carlos Miguel Santos

Imagem de destaque
VIAJANTES

Casal larga tudo para viajar pelo país de carro

Imagem de destaque
GUARDA MUNICIPAL

Secretaria de Defesa Social afirma que está comprando 25 novas viaturas

 

Por mais que o número de acidentes no trecho de Londrina tenha aumentado, a PRF classifica o balanço como positivo, tendo em vista que o número de mortes diminuiu em 17%. Na BR-369, o número de vítimas fatais caiu de 40 para 28 de 2022 para 2023.

A Polícia Rodoviária Federal ainda deve reforçar o patrulhamento no trecho. Segundo o agente, as principais causas de acidente são excesso de velocidade e embriaguez ao volante.

 

“Estamos com reforço no policiamento, com policiais de outros estados. É um momento crítico. Londrina, nesta época do ano, o pessoal vai embora. Infelizmente quem fica abusa do excesso de velocidade. Infelizmente aqui no norte do Paraná, as pessoas ainda tem o hábito de beber e dirigir”, relatou. 


© Copyright 2023 Grupo Tarobá