Londrina
Cascavel
  • Londrina
  • Cascavel

Cerca de 11 mil alunos de Cambé devem receber kits com material escolar

29/02/24 às 22:42 - Escrito por Assessoria de Imprensa
siga o Tarobá News no Google News!

Tem material escolar novo e de qualidade chegando em Cambé. A Secretaria de Educação e Cultura iniciou nesta semana a distribuição dos kits de material escolar para todos os alunos da rede municipal de ensino no ano letivo de 2024. A aquisição dos itens é feita através do programa EduCambé, que fornece material escolar completo de acordo com o currículo escolar, conforme o que cada um precisa no ano em que está.


Ao todo, serão distribuídos cerca de 11 mil kits, um por aluno em Cambé. A secretária de Educação, Estela Camata, explicou que a entrega começou na última segunda-feira (26), para os estudantes da Educação de Jovens e Adultos (EJA). Agora, é a vez dos alunos do Infantil 5. E a expectativa da Secretaria é de que até a semana que vem todas as escolas já estejam com os itens, porque as empresas fornecedoras ainda estão entregando as remessas para o município.


As escolas recebem as caixas com os materiais, e os professores separam e guardam os itens que serão de uso coletivo, e disponibilizam aos alunos para levarem para as suas casas produtos como lápis, borracha, apontador, cadernos e outros que irão auxiliar também nas tarefas.

Leia mais:

Imagem de destaque
PROJETO DE LEI

Empresas de transporte público terão que divulgar informações sobre veículos

Imagem de destaque
DESMONTAGEM E MONTAGEM

Tenda externa da UPA Sabará recebe nova estrutura e sistema de climatização

Imagem de destaque
SHOWS GRATUITOS

Distrito de São Luiz realiza primeira festa rural no próximo final de semana

Imagem de destaque
E 20 ÓBITOS

Londrina registra mais de 14 mil casos de dengue de acordo com novo boletim


Desde o último ano, o município de Cambé disponibiliza os materiais escolares com o objetivo de dar aos alunos da rede pública municipal um patamar de igualdade dentro do ambiente escolar, oferecendo melhor condição para desenvolvimento, segundo os preceitos da educação universal, pública e de qualidade.


A diretora do CMEI Daisaku Ikeda, Maria Isabel Pagnan, explicou que a disponibilização do material pela Prefeitura tem impacto na educação das crianças e no bolso dos pais. “O material universalizado faz com que todas as crianças se sintam iguais. Elas não são iguais em muitas coisas, mas com relação ao material agora são e isso é importante. Hoje as crianças vem com a mesma cola, com a mesma tesoura, mesmo lápis, mesma agenda. E os pais estão muito satisfeitos porque é uma economia a mais. O que eles iriam gastar para comprar o material escolar, hoje eles podem estar comprando outra coisa. É muito benéfico”, disse.


Thais Costa é mãe da Laura, aluna do Daisaku Ikeda, e de mais duas filhas, e também salientou a economia como fator preponderante da disponibilização do material escolar. “É muito importante para a gente, desafoga bem. Sem contar que ela estava com uma ansiedade grande para receber esse material. Isso nos ajuda muito pelas condições de hoje em dia. Eu tenho três filhas, sendo duas já na escola. É uma economia grande. Fora o uniforme que também foi muito bem recebido. Cambé precisava disso”.


Já Laura, de cinco anos, não se continha, e não conseguiu escolher seu item favorito. “Eu gostei e achei tudo muito bonito. Gostei de tudo. Esse é o meu material”, expressou.

© Copyright 2023 Grupo Tarobá