Londrina
Cascavel
  • Londrina
  • Cascavel

Londrina já registrou 67 denúncias de crimes eleitorais no aplicativo do TSE

22/09/22 às 16:00 - Escrito por Redação Tarobá News

Eleitores londrinenses já registraram 67 denúncias de crimes eleitorais pelo aplicativo Pardal, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). No Paraná, foram 1114 denúncias. Qualquer cidadão pode enviar irregularidades durante as campanhas em todo o país.


Segundo o advogado da comissão eleitoral da OAB Londrina, Arthur Strozzi, na reta final da campanha, os números tendem a aumentar. "A maioria dos ilícitos acabam acontecendo ou no dia das eleições ou na véspera", disse.


Strozzi explicou que os principais crimes cometidos são venda ou compra de votos, despejo de santinhos e crimes contra a honra. "Injúria, calúnia, difamação. Temos duas legislações específicas que tratam dos crimes eleitorais, o primeiro é o Código Eleitoral e o segundo é a Lei Geral das Eleições", falou.


Conforme o advogado, as tradicionais mensagens do WhatsApp também devem ser monitoradas. Caso o eleitor não autorize o envio, o candidato pode ser penalizado.


“Em 2018, vivemos uma terra com pouca lei e agora temos uma série de regramentos em relação ao uso das redes sociais. Antes a internet não era vista como um meio de comunicação para a Justiça Eleitoral, mas a partir de 2021, houve mudanças. Agora temos uma lei importante que é a Lei de Proteção de Dados", completou Strozzi.

© Copyright 2022 Grupo Tarobá