Londrina
Cascavel
  • Londrina
  • Cascavel

Paraná registra mais 37 mortes por dengue e dispara procura por repelentes

16/04/24 às 19:47 - Escrito por Redação Tarobá News
siga o Tarobá News no Google News!

O aumento nos casos semana após semana, tem promovido uma corrida às farmácias por pessoas em busca de repelentes.O boletim semanal da dengue publicado nesta terça-feira (16) pela Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) confirmou mais 37 mortes no Paraná. Com os novos registros, o estado totaliza 140 mortes pela doença no atual período epidemiológico, que iniciou em julho de 2023. Os dados apresentam também 219.045 casos confirmados. 


Uma farmácia no Centro de Londrina, a equipe de reportagem do Grupo Tarobá, encontrou somente seis frascos do produto nas prateleiras. “A gente começou a perceber uma demanda muito grande primeiro em Apucarana, praticamente zerou as prateleiras. Nos últimos três anos a gente não tinha visto ainda tanta procura”, disse a gerente de marketing Camila Hirata.

 

Leia mais:

Imagem de destaque
EM ESTADO GRAVE

Divulgada imagens de suspeito de atacar jovem com ácido em Jacarezinho

Imagem de destaque
INVADIU CASA DA EX

Homem de 29 anos resiste à prisão e agride dois policiais em Apucarana

Imagem de destaque
MAIO AMARELO

CMTU convida população a doar sangue em prol de vítimas de acidentes de trânsito

Imagem de destaque
PROPOSTA DO GOVERNO

Sindicato ameaça greve caso projeto de terceirização de escolas seja aprovado

Ainda de acordo com a gerente, a procura por repelente aumentou 80% no 1º trimestre desse ano, quando comparado ao mesmo período de 2023. Além disso, a rede registrou um pico de vendas de 102% somente em março. Um crescimento nas vendas na mesma proporção que o número de casos de dengue aumentava no estado.

 

A farmácia também produz repelentes manipulados, mas por conta da falta do ativo icaridina, que garante maior eficácia contra o mosquito causador da dengue, a produção também teve que ser pausada. “Fizemos todas as vendas do nosso repelente manipulado, que a gente também tinha ativo, mas que acabou pela alta procura”, explicou Camila.

 

Notícias relacionadas

© Copyright 2023 Grupo Tarobá