Londrina
Cascavel
  • Londrina
  • Cascavel

Prefeitura de Apucarana solicita autorização da Câmara para subsidiar tarifa do transporte coletivo

07/02/23 às 17:41 - Escrito por Redação Tarobá News
siga o Tarobá News no Google News!

Um Projeto de Lei (PL) de autoria do executivo de Apucarana foi encaminhado nesta terça-feira (7) à Câmara de Vereadores, solicitando autorização para subsidiar parte do custo da tarifa do transporte coletivo urbano. Atualmente, a Prefeitura de Apucarana já subsidia o preço da passagem como forma de aliviar a carga aos usuários do sistema.


O diretor-presidente do Instituto de Desenvolvimento, Pesquisa e Planejamento de Apucarana (Idepplan), Carlos Mendes, disse que a partir do dia 10 de fevereiro o preço da tarifa passará a custar R$4,00 para os usuários do transporte coletivo urbano.


Segundo Mendes, o custo total da tarifa é de R$4,70, mas a prefeitura se propõe a subsidiar R$0,70, reduzindo o valor para os usuários do serviço, com autorização da Câmara de Vereadores.

Leia mais:

Imagem de destaque
OBRA

Projeto do Ecopark Floresta será alterado para preservação do Meio Ambiente

Imagem de destaque
SOLIDARIEDADE

Dia da Bondade: LBV de Cascavel será uma das beneficiadas

1º ciclo do LIRAa em Cascavel
DENGUE

Começa o levantamento do índice de infestação do mosquito da dengue

Imagem de destaque
CÂMARA DE VEREADORES

Aprovado projeto da reposição inflacionária para salário de servidores


“Com a tarifa de R$4,00, Apucarana continuará mantendo um dos preços mais baixos do transporte coletivo urbano no Paraná”, argumentou o diretor-presidente do IDepplan. Ele ressaltou ainda que, com recentes reajustes autorizados, a tarifa dos ônibus urbanos passaram a custar R$4,80 em Londrina e Maringá; e R$5,50 em Curitiba.


Mendes disse também que, nos próximos dias, a Prefeitura de Apucarana e o Idepplan irão lançar as linhas “saúde” e “turismo”, no transporte coletivo urbano de Apucarana, instituindo tarifas gratuitas nestas duas modalidades. “Todos os detalhes destas novas linhas serão informados aos usuários da saúde pública e também quanto a visitas ou passeios em parques e outros roteiros turísticos”, finalizou.

Notícias relacionadas

© Copyright 2023 Grupo Tarobá