Londrina
Cascavel
  • Londrina
  • Cascavel

Prefeitura realiza serviço paliativo em pontes de madeira do Lago Igapó II

24/05/24 às 19:33 - Escrito por Assessoria de Imprensa
siga o Tarobá News no Google News!

A Prefeitura de Londrina realizou nesta semana serviços de conserto em duas pontes localizadas no entorno do Lago Igapó II que estavam interditadas para travessia e agora estão com acesso totalmente liberado. As manutenções foram feitas na ponte que fica na rua Joaquim de Matos Barreto, próxima ao cruzamento com a rua Monte Castelo, e também na estrutura que fica próximo à avenida Ayrton Senna. O trabalho teve início na terça-feira (21) e terminou na quarta-feira (22), envolvendo a substituição de suportes, vigas e pranchas das pontes, entre outros reparos.


Com as melhorias e desbloqueios, o público que passeia pelo local pode voltar a atravessar as passarelas de forma segura, enquanto a Secretaria Municipal de Obras e Pavimentação (SMOP) desenvolve projetos para trocar essas pontes por estruturas metálicas que, posteriormente, serão licitadas.


Para viabilizar as melhorias nesse primeiro momento, foi formada uma força-tarefa incluindo diferentes secretarias e órgãos municipais. A iniciativa foi conduzida pela Secretaria Municipal de Agricultura e Abastecimento (SMAA) com apoio das secretarias de Obras (SMOP) e do Ambiente (Sema), além da Companhia Municipal de Trânsito e Urbanização (CMTU).

Leia mais:

Imagem de destaque
GRAVE

Bebê de 1 ano morre atropelado em Apucarana e suspeito é espancado por populares

Imagem de destaque
ENTENDA A HISTÓRIA

Conheça a história do Paçoca, cão que se envolveu em polêmica neste domingo

Imagem de destaque
EXPLICAÇÃO

Família nega que tenha abandonado cachorro e explica caso; cão está bem

Imagem de destaque
TRAGÉDIA

Homem morre após acidente de moto na Avenida Dez de Dezembro, em Londrina


A SMAA tocou a parte operacional para a manutenção das estruturas, a SMOP atuou com caminhão e materiais e a CMTU cedeu pessoal para serviços de solda e ferragens, enquanto a Sema levou um caminhão de maior capacidade para uma das pontes restauradas.


Segundo o vice-prefeito de Londrina e secretário municipal de Agricultura e Abastecimento, João Mendonça, os reparos feitos nas duas pontes são intervenções paliativas para recuperar esses pontos de travessia, mas importantes para possibilitar condições seguras de passeio pelo Lago Igapó II. “São duas estruturas que estavam com problemas e interditadas. Juntamos esse corpo de mão-de-obra própria para solucionar as falhas existentes e liberar novamente as pontes. É preciso deixar claro que não são pontes novas, mas sim consertos que darão tempo de vida útil às estruturas até que sejam concluídos projetos para licitar as substituições das pontes”, frisou.


A Secretaria Municipal de Obras está trabalhando em três projetos para substituir cada uma das três pontes antigas do Igapó II, desenhadas com o mesmo padrão arquitetônico.


Mendonça informou que as equipes da Prefeitura continuarão monitorando as pontes recuperadas agora e também fará melhorias em outras pontes e locais de travessia com estruturas de madeira. “Existe uma terceira ponte na mesma região do Lago Igapó II que precisa ser recuperada e faremos isso. Outro local que receberá atenção é a passagem existente na avenida Higienópolis, onde fica localizado o letreiro turístico ‘Eu amo Londrina’. Iremos providenciar a manutenção de pontes em outros locais da cidade, especialmente na zona rural”, adiantou.


Ainda de acordo com o titular da pasta, duas pontes maiores localizadas em áreas distritais já estão na programação para receberem intervenções de manutenção. Uma delas fica na Estrada do Coelho, na abrangência do distrito de São Luiz, e outra em Maravilha. Em outra frente, disse Mendonça, a SMAA vai trabalhar para transformar 20 pontes de madeira em alvenaria, sendo que as ações estão em fase de planejamento. “Para esse pacote mais amplo, estamos fazendo levantamentos de orçamento para definir como isso poderá ocorrer, com a ideia de articular uma parceria com o governo estadual, por exemplo”, mencionou.

Notícias relacionadas

© Copyright 2023 Grupo Tarobá