Londrina
Cascavel
  • Londrina
  • Cascavel

Projeto “Bonetizando” vai promover a imersão de estudantes na indústria

27/11/23 às 21:38 - Escrito por Assessoria de Imprensa
siga o Tarobá News no Google News!

A partir do ano que vem, estudantes da rede municipal de ensino vão literalmente pisar no chão das empresas para conhecer e aprender, de uma forma lúdica, sobre a cadeia produtiva do vestuário. Além de contar aos alunos a história e a importância deste segmento na economia, o “Projeto Bonetizando – de Apucarana para o Mundo” também tem o objetivo de valorizar o setor, considerado o maior polo de confecções do Paraná.


O anúncio foi feito nesta segunda-feira (27/11) pelo prefeito Junior da Femac, após reunião no gabinete que contou com a presença das empresárias Elizabete Ardigo, presidente do Sindicato das Indústrias do Vestuário de Apucarana e Vale do Ivaí (Sivale), além de Sueli Marcon e Carla Costa, coordenadoras do Arranjo Produtivo Local (APL Bonés). Também participaram da reunião Ellen Carolina Pereira Castilho, coordenadora pedagógica da Autarquia Municipal de Educação (AME) e Patricia Macedo Papa, secretária executiva do Sivale.


O projeto será desenvolvido em parceria pela Prefeitura, APL e Sivale. “Ao todo, serão contemplados 1.400 alunos dos terceiros anos das 36 escolas municipais. São crianças, com idades entre 8 e 9 anos, que terão a oportunidade de ter o contato com o mundo produtivo de uma forma lúdica. Tenho certeza que as crianças, que em grande parte tem pais ou parentes trabalhando no setor do vestuário, vão se encantar com tudo o que é feito no mundo do vestuário, especialmente do boné”, frisa Junior da Femac.

Leia mais:

Imagem de destaque
POLICIAL

Polícia Civil de Toledo prende dois autores de agressões e roubo a um motorista de aplicativo

Imagem de destaque
TRÂNSITO

Homem fica ferido em acidente no bairro Santo Onofre

Imagem de destaque
SEXTO FILHO

Mulher em situação de rua da à luz em calçada na região central de Londrina

Imagem de destaque
ARBOVIROSES

Cascavel registra 1.200 novos casos de dengue e chega perto das 3 mil confirmações


Junior da Femac reitera que a iniciativa mostrará para os estudantes a força do vestuário de Apucarana, que foi apontado pelo Observatório da Federação das Indústrias do Estado do Paraná (Fiep) como o maior polo têxtil do Estado. “O projeto vai reforçar a força da nossa indústria, que cada vez mais investe em tecnologia e marcas próprias, gerando empregos e movimentando a economia”, frisa Junior da Femac, citando ainda que Apucarana conta com diversos cursos técnicos e superiores de moda e vestuário.


Elisabete Ardigo, presidente do Sivale, afirma que entre as atividades previstas estão visitas ao Monumento do Bonezão. “Além disso, os empresários de Apucarana abrirão as portas das suas empresas para que as crianças possam vivenciar de forma lúdica o mundo da confecção”, reforça, lembrando que nos próximos dias o projeto será apresentado oficialmente aos empresários.


Após as visitas, os estudantes irão elaborar uma representação do que a experiência significou para eles, podendo ser um texto ou desenho. “A melhor representação será estampada no boné, sendo que cada um dos 1.400 estudantes receberá um boné com essa arte”, explica a empresária Sueli Marcon, coordenadora do APL Bonés, acrescentando que todos os alunos participantes também receberão certificados e medalhas.

© Copyright 2023 Grupo Tarobá