Londrina
Cascavel
  • Londrina
  • Cascavel

Restaurante Popular terá nova tabela de preços com refeições a partir de R$ 1 em Cascavel

21/11/22 às 18:37 - Escrito por Assessoria

As refeições quentinhas, saborosas e com alto valor nutricional dos três Restaurantes Populares de Cascavel sofrerão uma alteração nos preços para garantir ainda mais justiça social aos mais vulneráveis. A partir do dia 1º de janeiro de 2023, a tabela terá almoços a partir de R$ 1, além de R$ 3 e R$ 7. 


 A tabela terá como base os critérios estabelecidos através Cadastro Único. Dessa forma, as famílias do enquadramento em extrema pobreza e pobreza terão o direito de pagar somente R$ 1.


 A refeição terá o valor de R$ 3 para famílias de baixa renda. Aos com renda acima de meio salário mínimo ou não residentes de Cascavel pagarão R$ 7.


O secretário da Assistência Social, Hudson Moreschi Jr, destaca que a ação é para assegurar que todas as famílias tenham o acesso facilitado às refeições dos espaços públicos, além de garantir a segurança alimentar dos cascavelenses. “As pessoas que se encaixam no perfil do Cadastro Único podem procurar as unidades de restaurantes populares e emitir cartão a partir de 23 de novembro, podendo ter esse benefício”, explica.

 

RESTAURANTES POPULARES


Atualmente, o Município conta com três unidades de Restaurante Popular, nos bairros Santa Cruz, Cascavel Velho e Centro. Os espaços atendem de segunda a sexta-feira.


O cardápio sempre tem ingredientes fresquinhos, com muitas opções de saladas, legumes e com direito a suco e sobremesa. O restaurante do centro tem capacidade diária de servir 900 refeições, enquanto o do Santa Cruz e do Cascavel Velho podem atender até 400 cada.


As refeições são pensadas e planejadas pelo Setor de Segurança Alimentar e Nutricional do Município. Os Restaurantes Populares atendem de segunda a sexta-feira. A unidade do Centro abre as portas a partir das 10h30, já as demais às 11h. O fechamento é às 14h.

 

RENDA PER CAPITA


A renda da família é calculada a partir da soma do dinheiro que todas as pessoas da casa ganham por mês, incluindo salários, aposentadorias, benefícios e doações regulares. Esse valor deve ser dividido pelo número de pessoas que vivem na casa, obtendo assim a renda per capita da família.


As famílias que se enquadram nos perfis de renda para inscrição no cadastro único e ainda não possuem o cadastro, devem procurar uma das 9 unidade de CRAS e fazer sua inscrição.

© Copyright 2022 Grupo Tarobá