Londrina
Cascavel
  • Londrina
  • Cascavel

Vereadores de Londrina aprovam reajuste nos próprios salários e novos cargos

27/02/24 às 20:49 - Escrito por Redação Tarobá News
siga o Tarobá News no Google News!

Com 10 votos favoráveis e nove contrários, o PL (Projeto de Lei) que prevê a criação de três novos cargos na Câmara Municipal de Londrina, foi aprovado em 1ª discussão. A reforma administrativa contempla um novo diretor administrativo financeiro e um diretor de comunicação e mídias, ambos com salário de R$ 18,4 mil, além de outro cargo para a Ouvidoria, com salário aproximado de 16 mil.

 

O segundo PL aprovado em primeira discussão, com 11 votos favoráveis e 8 contrários, que também foi protocolado pela Mesa Executiva, estabelece o reajuste salarial, aos vereadores, de 3,82% a partir do dia 1 de fevereiro deste ano.  Com isso os pagamentos passam de R$ 13,6 mil para R$ 14,1 e do presidente da Câmara de R$ 15,8 mil para 16,4.

Leia mais:

Imagem de destaque
AÇÃO PEDIA R$100 MI

Londrina terá que pagar R$ 5,18 milhões para banco após decisão do TJ-PR

Imagem de destaque
SITUAÇÃO PIOROU

Posto de combustíveis desativado se transforma em mocó na Celso Garcia Cid

Imagem de destaque
IMAGENS IMPRESSIONAM

Polícia procura motorista que atropelou em matou homem deitado no meio da rua

Imagem de destaque
PROJETO DE LEI

Empresas de transporte público terão que divulgar informações sobre veículos

 

VEJA COMO VOTARAM PARA O REAJUSTE SALARIAL

Foto: Kauana Cardoso

 

O presidente da Câmara, Emanoel Gomes (Republicanos), defendeu que a recomposição inflacionária está garantida na Constituição Federal e que é um direito do servidor público. Já a vereadora Jessicão (PP), disse que quando foi eleita sabia quanto ia ganhar e que é contra o reajuste.

 

A vereadora Mara Boca Aberta (sem partido), protocolou uma emenda que prevê a diminuição e fixação do salário dos vereadores para R$ 10,4 mil e do presidente para R$ 12,4. Por conta desta emenda, que ainda será analisada pela Comissão de Justiça, o projeto que prevê o aumento dos salários dos vereadores, para a legislatura a partir de 2025, para R$ 15,6 mil e do presidente para R$ 18,2, foi retirado de pauta e deve ser votado em primeira discussão somente na quinta-feira (29).  

 

© Copyright 2023 Grupo Tarobá