Londrina
Cascavel
  • Londrina
  • Cascavel

Coronado monitorado; Marcos Braz cutuca pedida financeira

20/02/24 às 08:34 - Escrito por Band
siga o Tarobá News no Google News!

O vice-presidente de Futebol do Flamengo, Marcos Braz, comentou e cutucou o rival Corinthians ao falar sobre Igor Coronado (31), rumor antigo envolvendo a equipe carioca e que acabou selando sua ida como novo reforço do clube paulista, na última semana.


A declaração do cartola rubro-negro aconteceu em coletiva de imprensa, na tarde desta segunda-feira (19), concedida no Ninho da Gávea. O evento era voltado para apresentação do novo lateral-esquerdo do clube Matías Viña, ex-Palmeiras e na formalização de renovação de contrato do zagueiro Fabrício Bruno.


Questionado sobre o rumo da negociação com o meio-campista "melar" e Coronado ser anunciado no rival nacional, o VP de Futebol do Rubro-Negro não poupou palavras e explicou desalinhamentos financeiros além de adaptação ao futebol brasileiro como pilares das respostas sobre o novo reforço corinthiano:

Leia mais:

Imagem de destaque
NA ARGENTINA

Fla encara anfitrião Quimsa na final da Champions League de basquete

Imagem de destaque
NA ATAPA FINAL

"Tivemos coragem", elogiou o técnico do Bragantino após 2 a 2 com Flu

Imagem de destaque
CONDUTA ANTISSOCIAL

Ex-jogador Carlos Alberto quebra carro após ação de expulsão em condomínio

Imagem de destaque
"PÉS NO CHÃO"

Cássio evita projetar título do Corinthians no Brasileirão


“A taxa era para o jogador - Igor Coronado "forçou saída" ficando livre no mercado após rescindir com Al Ittihad e valores seriam todos negociados diretamente com jogador além de intermediadores -. Pega lá no Corinthians e vê quanto o jogador vai ganhar, soma tudo e depois a gente conversa.”


“As vezes não é possível de se fazer alguma transferência - por questões de valores econômicos, competindo com mundo árabe e outros mercados. Então a gente nem vai se desgatar. Ou a gente analisa, tem esse outro lado, que a gente não deva fazer a contratação ou não deva ir para contratação. Era um jogador que estava monitorado aqui."


Outro ponto levantado por Marcos Braz seria o tempo de adaptação de Coronado ao futebol brasileiro. O meia-atacante de 31 anos não teve passagens por clubes do Brasil atuando no profissional, sendo assim, será inédito observar adaptação do novo reforço corinthiano diante do cenário do calendário nacional. Braz comentou:


“Há quanto tempo você acha que ele está no mundo árabe? Ah, não sabe? Cinco, seis anos. Você sabe o que é estar cinco, seis anos no mundo árabe e se adaptar aqui? Quando a gente vai analisar, a gente não analisa só o mercado. Tem que ter situações como essa que você tem que ter o conhecimento.”


“Aqui tem conhecimento, eu vi que você não tem. Às vezes tem que ter outras analises, é um questionamento muito amplo. Tem que saber se o jogador quer vir, se o empresário quer trazer, o conceito esportivo dele.” Finalizou o cartola flamenguista.

© Copyright 2023 Grupo Tarobá