Londrina
Cascavel
  • Londrina
  • Cascavel

Diniz desabafa sobre saída da Seleção: "Queria fosse diferente"

02/02/24 às 16:53 - Escrito por BAND
siga o Tarobá News no Google News!

Na última quinta-feira, 1º, Fernando Diniz falou sobre a sua saída do comado da Seleção Brasileira em janeiro. Treinador do Fluminense disse que são águas passadas, mas gostaria que as coisas fossem diferentes.


“Queria que tivesse sido diferente. Mas são águas passadas. Temos que tocar a vida em frente. Tenho muita clareza daquilo que fiz para a seleção brasileira e o meu contato com os jogadores e a Seleção está em boas mãos agora. Eu tinha muita convicção de que aquilo, com mais tempo, iria dar resultados muito importantes. Tinha um feeling muito claro disso. Para quem estava internamente também tinha nitidez do que estava sendo feito", disse.


Diniz comandou a Seleção por seis partidas e teve apenas uma vitória. O treinador disse que apenas essas partidas não eram suficientes para definir um trabalho.

Leia mais:

Imagem de destaque
4 a 0

Byanca Brasil comanda goleada do Cruzeiro sobre o Atlético-MG

Imagem de destaque
MISTA

Brasil garante vaga na prova do revezamento dos Jogos de Paris

Imagem de destaque
TROFEO CITTÀ DI JESOLO

Ginástica artística: seleção feminina brilha na Itália

Imagem de destaque
NO ALLIANZ PARQUE

Flamengo e Palmeiras ficam no 0 a 0 pela Série A do Brasileiro


“Seis jogos é uma amostragem extremamente pequena. Infelizmente falamos muito dos resultados de curto prazo e canso de falar que é um dos males do futebol brasileiro. O trabalho precisa de um pouco mais de tempo. Não por ser eu, mas qualquer pessoa precisa de um pouco mais de tempo. Não dá para você ter uma amostragem muito pequena e ficar fazendo qualquer tipo de avaliação.”, explicou.


Treinador finalizou afirmando que acreditou ter feito o seu melhor durante a sua passagem


"O jogo com a Argentina, por exemplo, foi um jogo grande que o Brasil fez e que não teve resultado. Aquilo, na sequência do trabalho, iria melhor, muito provavelmente, a performance e os resultados chegariam. Mas saio com um sentimento de ter feito o melhor, ter criado relações especiais com os jogadores e o estafe que estavam comigo", disse.

© Copyright 2023 Grupo Tarobá