Londrina
Cascavel
  • Londrina
  • Cascavel

Dez projetos que vão mudar a cara do Litoral do Paraná

04/02/20 às 17:38 - Escrito por Redação Tarobá News
siga o Tarobá News no Google News!

A programação de obras do Governo do Estado engloba dez projetos prioritários para remodelar o Litoral. Eles foram elaborados para atender demandas históricas dos moradores locais e seguem a determinação do governador Carlos Massa Ratinho Junior de reforçar investimentos em infraestrutura e estimular o turismo.

O balanço das iniciativas foi apresentado pelo secretário estadual de Desenvolvimento Sustentável e Turismo, Márcio Nunes, durante a reunião de secretariado desta terça-feira (4). Entre elas estão a engorda da Orla de Matinhos, que será licitada nos próximos meses, a Faixa de Infraestrutura em Pontal do Paraná e a ponte entre Guaratuba e o balneário de Caiobá.

Os projetos começaram a ser acelerados em 2019 e vão apresentar resultados mais visíveis em 2020. O Estado pretende aplicar parte dos recursos de um financiamento de R$ 1,6 bilhão negociado no final do ano passado com um consórcio de bancos. A operação já tem o aval da Assembleia Legislativa.

Leia mais:

Imagem de destaque
DENGUE NO PARANÁ

Informe semanal da dengue registra mais 17.768 casos e 35 óbitos

Imagem de destaque
MAIOR INVESTIMENTO

Estado vai destinar R$ 391,4 milhões para construir 300 creches

Imagem de destaque
POLICIAL

PCPR cumpre mandados por fraude em licitação e adulteração de entrega de mercadoria a Sanepar

Imagem de destaque
ENGENHARIA

Com programa Projetek, Paraná é semifinalista do Prêmio Excelência em Competitividade

“Os investimentos em infraestrutura são necessários no Litoral. Não dá para ver Santa Catarina se transformar em Miami e o nosso litoral ser preterido. Temos investimentos represados e capacidade para atrair novos negócios, mais empregos e desenvolvimento social para a região”, afirmou Ratinho Junior. “Com essas obras, voltaremos a ter condições de rivalizar com os Estados vizinhos na questão turística, além de ampliar a capacidade de exportação do Paraná”.

Segundo Márcio Nunes, os projetos foram desenhados para atender o compromisso de desenvolvimento sustentável e vão envolver medidas compensatórias por parte de eventuais investidores. “O Governo do Estado entende que deve haver um equilíbrio. Há um olhar diferenciado para o Litoral, ele pode ser um grande indutor do desenvolvimento e do turismo”, destacou. “A programação envolve ações como o Verão Maior e obras estruturantes”.

Notícias relacionadas

© Copyright 2023 Grupo Tarobá