Londrina
Cascavel
  • Londrina
  • Cascavel

Dois policiais militares são presos após serem flagrados com mulher em prédio da corporação

10/09/22 às 19:04 - Escrito por Redação Tarobá News

Dois policiais militares foram presos em Lupionópolis, no norte do Paraná, após serem flagrados com uma mulher no prédio da Polícia Militar da cidade. As prisões foram feitas por outros policiais que foram até o local por determinação superior.


Segundo o boletim de ocorrência, a mulher era amante de um dos soldados e tentou se esconder entre um armário e uma parede de um dos cômodos da sede da Polícia Militar.


De acordo com o boletim, após a determinação, três policiais militares foram até o prédio da PM de Lupionópolis e, mesmo com as luzes acessas, não foram atendidos. Como ninguém abriu a porta, ainda conforme a boletim, a equipe verificou no sistema e viu que a viatura do município estava atendendo uma ocorrência, aberta manualmente. Ao chegarem no endereço indicado, nenhum dos soldados foi localizado.


A equipe voltou à sede da Polícia Militar e, na segunda vez, um dos soldados abriu o portão. No prédio, em um cômodo que antecede um dos banheiros, a mulher foi encontrada.


Um dos soldados presos disse aos colegas que, embora fosse casado, estava mantendo um relacionamento extraconjungal com a mulher encontrada e que o outro soldado não tinha envolvimento com a situação. Depois do relato, ele entregou a arma funcional e a munição.


Os dois policiais que atuam em Lupionópolis e a mulher foram presos e levados à sede do 15°Batalhão da Polícia Militar.


Os militares presos devem responder a crimes previstos no Código Penal Militar (CPM). Um dos artigos prevê prisão caso o militar deixe de desempenhar a missão que lhe foi confiada. 

© Copyright 2022 Grupo Tarobá