Londrina
Cascavel
  • Londrina
  • Cascavel

IAT interdita acesso a pontos turísticos do Parque do Monge

07/12/23 às 09:17 - Escrito por Agência Estadual de Notícias
siga o Tarobá News no Google News!

O Instituto Água e Terra (IAT) confirmou nesta quarta-feira (6) a interdição por tempo indeterminado da trilha da Pedra Partida e da escadaria que dá acesso à Gruta do Monge, no Parque Estadual do Monge, na Lapa, na Região Metropolitana de Curitiba. O percurso de aproximadamente 450 metros liga dois dos principais atrativos turísticos do complexo ambiental.


A medida é preventiva e busca a segurança dos usuários, já que a trilha foi severamente danificada em razão de deslizamentos de terra causados pelas chuvas em setembro e outubro. Já a escadaria sofreu infiltração e corre o risco de cair.


De acordo com geólogos e engenheiros que vistoriaram a Unidade de Conservação (UC), a demarcação foi destruída em diversos pontos, com indícios de instabilidade nos maciços de arenito. O IAT estuda a possibilidade de criar um percurso alternativo, bem como um novo acesso à gruta. O órgão ambiental pretende começar nos próximos dias o mapeamento da nova área.

Leia mais:

Imagem de destaque
PARANÁ

Com apoio do Estado, operadora vai apresentar atrativos do Paraná a 100 agentes de viagens

Imagem de destaque
PARANÁ

Decreto de Baixo Risco ajuda a bater novo recorde de tempo de abertura de empresas

Imagem de destaque
VEJA NÚMEROS

Com segunda parcela do IPVA, municípios receberam R$ 1,03 bilhão do Estado em fevereiro

Imagem de destaque
APRESENTADO PELA SESA

Paraná apresenta processo de compra de medicamentos por consórcio no Cosud


“Já estamos tomando as providências necessárias para devolver o Parque do Monge e todos os seus atrativos à população”, afirmou o diretor de Patrimônio Ambiental do IAT, Rafael Andreguetto.


Segundo ele, apesar da interdição de dois importantes pontos turísticos, o parque segue funcionando parcialmente. “Há um imenso gramado, mirante, oratório, local em que muitos dos visitantes deixam suas oferendas. E vamos lançar nos próximos dias editais para a instalação de loja de souvenirs e de food truck no Monge. Ou seja, há muito o que fazer para quem gosta de curtir as belezas naturais do Paraná”, disse. 


A Unidade de Conservação está entre as mais visitadas do Paraná. Recebeu 43,7 mil pessoas no primeiro semestre deste ano, ficando atrás apenas da Ilha do Mel, em Paranaguá, no número de visitantes.


Além disso, reforçou o diretor, o Parque do Monge integra um projeto-piloto, em parceria com a Fundação Grupo Boticário, para aceleração de delegação de serviços de turismo, com foco na ampliação de oportunidades de visitação, como a criação do núcleo Serena, em que estão em avaliação possibilidades de uso do espaço para cavalgadas, quadras esportivas, áreas de recreação, estacionamento para motorhomes. O Plano de Manejo do parque também está sendo revisado para aproximar ainda mais a UC da população.


MONGE – O Parque Estadual do Monge está localizado no município da Lapa, a aproximadamente 3 km da sede do município. Ele recebeu este nome por possuir uma gruta que teria sido abrigo do monge João Maria D'Agostini, entre 1847 e 1855. O monge se dedicou ao estudo de plantas da região, fazendo orações públicas e medicando enfermos, tornou-se assim um líder religioso.


As principais atrações do Parque caminham na direção do turismo religioso, com a Gruta do Monge e uma fonte que, segundo a crença popular, seria milagrosa. Os atrativos atraem um grande número de fiéis, que deixam objetos, acendem velas e colocam flores em agradecimento à graça alcançada.

© Copyright 2023 Grupo Tarobá