Operação conjunta retira moradores de rua da rodoviária de Londrina

Redação Tarobá News
Paraná | Publicado em 04/07/2020 às 12:01

Imagem: Tarobá

Uma operação conjunta do Ministério Público (MP-PR), CMTU e secretarias municipais de Assistência Social e de Saúde realocou nesta semana os moradores de rua que ocupavam a rodoviária de Londrina.  

Segundo a CMTU, cerca de 30 pessoas foram encaminhadas para unidades de acolhimento e 14 foram para outros locais. A Companhia retirou 44 colchões da parte de baixo do terminal rodoviário, onde é realizado o embarque dos ônibus intermunicipais.

(Imagem: Tarobá)

Segundo a Prefeitura, desde a última segunda-feira (29), equipes da Assistência Social informaram os moradores de rua que a permanência no local com colchões e outros objetos pessoais não seriam mais permitida. 

Desde o início de 2020, as secretarias de Assistência Social e Saúde já vinham realizando, conjuntamente, abordagens neste espaço público. A intenção da Prefeitura é identificar todas as demandas sociais e de saúde relacionadas a essas pessoas, procurando possibilitar acesso aos serviços municipais e viabilizando a desocupação ordenada da rodoviária.

Todos aqueles que aceitaram os encaminhamentos propostos foram direcionados para unidades de acolhimento. Paralelamente, a SMAS continuará trabalhando com as diversas políticas públicas visando a superação da situação de rua, que necessita de trabalho técnico e contínuo.

Com N.Com



Relacionados

Londrina | 11-08-2020 15:29

Trio que morreu em confronto com a PM na zona sul é identificado

Trio que morreu em confronto com a PM na zona sul é identificado

Paraná | 11-08-2020 15:29

Estado intensifica prevenção de incêndios florestais e no transporte de cargas perigosas

Estado intensifica prevenção de incêndios florestais e no transporte de cargas perigosas

Piraquara | 11-08-2020 15:26

Bope e município de Piraquara assinam termo de cooperação

Bope e município de Piraquara assinam termo de cooperação

Paraná | 11-08-2020 15:25

Procura por orgânicos aumenta com a pandemia

Procura por orgânicos aumenta com a pandemia