Polícia Ambiental prende homem que comercializava animais silvestres em Londrina

Sthefany Terlera
Paraná | Publicado em 05/08/2017 às 12:55

A Polícia Ambiental de Londrina resgatou animais silvestres que estavam sendo comercializados de forma ilegal na última sexta-feira (04). Por meio de denúncias anônimas, a polícia chegou até um lava rápido localizado na avenida Santa Mônica, na Vila Santa Terezinha, na região central. O dono do estabelecimento foi preso. 

Nazilson Valdeir Moreira de Gois, de 31 anos, informou que tinha apenas um filhote de arara Canindé. No entanto, ao realizar vistorias, foram flagrados sete filhotes de jabuti, dois macacos-prego vivos, quatro iguanas e dois macacos-prego mortos nas dependências do lava-rápido. 

O homem foi preso foi maus tratos contra animais e crimes contra o meio ambiente. Moreira já havia sido preso em 28 de janeiro no posto da Polícia Rodoviária Federal entre Ibiporã e Jataizinho com cinco filhotes de macacos-prego. Ele também já paga cesta-básicas por ter sido condenado em posse de uma jiboia.



Relacionados

Londrina | 30-11-2018 16:29

TCGL anuncia que vai encerrar atividades em Londrina após 60 anos

TCGL anuncia que vai encerrar atividades em Londrina após 60 anos

Londrina | 30-11-2018 15:39

Inmet divulga alerta de tempestade com granizo no norte paranaense

Inmet divulga alerta de tempestade com granizo no norte paranaense

Foz do Iguaçu | 30-11-2018 12:34

Abertas as inscrições para processo seletivo da Itaipu Binacional

Abertas as inscrições para processo seletivo da Itaipu Binacional

Londrina | 30-11-2018 12:17

Trabalhador cai de sete metros de altura e fica ferido na zona leste

Trabalhador cai de sete metros de altura e fica ferido na zona leste