Londrina
Cascavel
  • Londrina
  • Cascavel

Região Sul tem novo alerta para tempestades e vendavais

24/05/24 às 15:09 - Escrito por Agência Estadual de Notícias
siga o Tarobá News no Google News!

O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) alerta para o risco de chuvas fortes, tempestades e vendavais no Sul do País para esta sexta-feira, 24. Ao todo, o instituto emitiu quatro alertas para a região, classificados como de “perigo” ou de “perigo potencial”.


De acordo com o Inmet, uma área que abrange a metade norte do Rio Grande do Sul, praticamente todo Estado de Santa Catarina e boa parte do sudoeste do Paraná apresenta risco de tempestades e chuvas que podem chegar a 60 milímetros em uma única hora, com acumulado alcançando os 100 mm ao longo do dia. Há também possibilidade de queda de granizo. O alerta é válido até às 10h da manhã desta sexta-feira.


O instituto também emitiu alerta de perigo para ventos costeiros, válido para todo o Rio Grande do Sul e parte de Santa Catarina. O comunicado cita possibilidade “intensificação dos ventos nas regiões litorâneas, movimentando dunas de areia sobre construções na orla”. O alerta é válido para toda a sexta-feira.

Leia mais:

Imagem de destaque
EDIÇÃO 2024

Árbitros paranaenses estreiam na Copa América nesta sexta-feira

Imagem de destaque
DE JULHO A SETEMBRO

Curitiba recebe primeiro voo direto de Santiago, no Chile, da companhia JetSmart

Imagem de destaque
CONNECT WEEK

Gestores da inovação reconhecem papel do Governo no desenvolvimento do Paraná

Imagem de destaque
PF E PCPR

Homem é preso por torturar e matar enteado em Curitiba


Ainda de acordo com o Inmet, há “perigo potencial” de chuvas e ventos intensos na metade sul do Rio Grande do Sul, com acumulado de 50 mm ao longo do dia, e de vendavais na região oeste do Estado.

Na quinta-feira, a Defesa Civil gaúcha emitiu uma série de alertas em diferentes regiões apontando para o risco de chuva forte e inundações. No início da madrugada, o órgão disparou alerta de evacuação para um bairro de Cruzeiro do Sul – município fortemente castigado pelas enchentes, no Vale de Taquari – por risco iminente de deslizamentos.


As chuvas fortes que assolam o Rio Grande do Sul desde o início do mês provocaram estragos em 469 dos 497 municípios. Até essa quinta-feira, 163 mortes já haviam sido confirmadas por causa dos temporais. O nível dos rios voltou a subir em algumas partes do Estado. Em Porto Alegre, bairros que não haviam sido inundados registraram alagamentos na quinta-feira.

Notícias relacionadas

© Copyright 2023 Grupo Tarobá