Londrina
Cascavel
  • Londrina
  • Cascavel

Saúde reúne hospitais com UTI e serviços de diálise para discutir segurança do paciente

10/04/24 às 16:53 - Escrito por Agência Estadual de Notícias
siga o Tarobá News no Google News!

A Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) iniciou nesta quarta-feira (10) um seminário que reúne hospitais com UTI e os que têm serviços de diálise para debater a segurança do paciente. O encontro, que segue nesta quinta-feira (11), acontece na sede do Conselho Regional de Medicina (CRM), em Curitiba, e conta com cerca de 260 profissionais que atuam no Núcleo de Segurança do Paciente (NSP). 


O objetivo é promover a troca de informações e experiências entre os participantes relacionadas às boas práticas de segurança do paciente, fortalecer a qualidade na assistência, tanto em instituições públicas como privadas.


O seminário é dirigido a hospitais que, anualmente, participam da Avaliação Nacional de Práticas de Segurança do Paciente, coordenada pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). O objetivo é promover a cultura da segurança nos serviços e o aprimoramento de boas práticas de assistência à saúde.

Leia mais:

Imagem de destaque
SAÚDE

Estado investe R$ 7,5 milhões em novos tomógrafos para o Hospital do Trabalhador

Imagem de destaque
RESTRIÇÃO

Liminar suspende leilão de três lotes de PPP da Sanepar

Imagem de destaque
17,3 TONELADAS

Movimentação geral nos portos paranaenses cresce 12% no primeiro quadrimestre

Imagem de destaque
OPERAÇÃO

Com mais de 200 policiais, Estado intensifica atuação das forças de segurança no Oeste

O Paraná possui 128 hospitais com UTI, dos quais 117 (91%) aderiram voluntariamente à avaliação nacional feita pela Anvisa, em 2023. Em relação aos serviços de diálise, todos os 48 estabelecimentos existentes no Estado (100%) aderiram à avaliação no mesmo ano.


“Somos destaque nacional por conseguir uma adesão tão significativa dos nossos hospitais com UTI e das instituições com serviços de diálise na Avaliação de Segurança do Paciente da Anvisa”, disse o diretor-geral da Sesa, César Neves, na abertura do evento. “O cuidado com o paciente sempre deve ser uma  prioridade e atividades como esta reforçam ainda mais o compromisso do Paraná com a saúde da nossa população”.


“É extremamente importante promover a educação permanente dos profissionais de saúde, pois eles enfrentam inúmeros desafios no cotidiano dos serviços e para isso eles precisam ser mantidos atualizados”, explicou a diretora de Atenção e Vigilância em Saúde da Sesa, Maria Goretti David Lopes. “A segurança do paciente é um tema transversal que permeia todos os níveis de atenção à saúde, ou seja, desde a atenção primária até a atenção hospitalar”.


Com a chegada do frio, Saúde esclarece dúvidas sobre a gripe e importância da vacinação

TEMAS – Durante o evento foram abordados diferentes temas, como elaboração dos Planos de Segurança do Paciente, uso de ferramentas de gestão para o monitoramento do risco relacionado à assistência e notificação de eventos adversos.


“Esse trabalho de educação continuada permite a redução de possíveis erros e, consequentemente, a melhoria da qualidade no atendimento dos pacientes. Esse processo com envolvimento de todos os profissionais de saúde é vital para garantir bons resultados e a qualificação do atendimento”, afirmou o médico e conselheiro do CRM, Luís Roberto Castro Santos.

Notícias relacionadas

© Copyright 2023 Grupo Tarobá