Linha 4

Publicidade

Fuga de presos ocorrida na Cadeia Pública é investigada pela PC

Redação Tarobá News

O delegado de Polícia Civil, Luis Rogério Sodré, falou nesta manhã (08), sobre a fuga de dois presos da Cadeia Pública de Catanduvas. Segundo ele, a fuga ocorreu durante uma confusão nesta madrugada.

Conforme explicou o delegado, um investigador que estava de plantão, foi até a carceragem para verificar as celas, neste momento um detento entrou em luta corporal com ele. A Polícia Militar foi acionada para controlara  situação, mas durante a confusão dois presos aproveitaram para fugir do local. Sodré informou que acredita que nenhum dos militares ou agentes envolvidos tenham facilitado a fuga dos detentos. O caso será investigado pela Corregedoria da Polícia Civil. 

Durante a entrevista o delegado falou ainda sobre a situação de superlotação na cadeia. O local que tem suporte para oito detentos estaria comportando 30 pessoas. Quatro foram transferidos para Cascavel para evitar novos transtornos, restando ainda 26 no local. Ele considera que a carceragem está em uma situação lamentável. 

Os detentos foragidos foram identificados como Sidimar do Carmo de 31 anos e Adilson de Lima da Silva de 28 anos. Moradores de Ibema. 

COMENTÁRIOS

Publicidade

Publicidade