Mulher suspeita de vender álcool em gel adulterado é presa

Redação Tarobá News
Policial | Publicado em 25/03/2020 às 15:11

Divulgação/PCPR

Uma mulher de 31 anos, suspeita de adulterar e vender álcool em gel falsificado foi presa em flagrante pela Polícia Civil do Paraná (PCPR). A prisão ocorreu na cidade de Araucária, na Região Metropolitana de Curitiba. A ação aconteceu na terça-feira (24), no bairro Fazenda Velha. Ao todo, cerca de 80 galões da substância adulterada também foram apreendidos na ação.

A PCPR chegou até o local após uma das vítimas comparecer na delegacia local e relatar que havia comprado um galão da substância acreditando ser álcool em gel 70%. Mas, o produto era bem viscoso e pegajoso.

Diante do fato, policiais civis deslocaram-se imediatamente até o local indicado para apurar a ocorrência. Ao chegarem na residência da suspeita, os agentes da PCPR flagraram a suspeita vendendo a substância, como se fosse álcool em gel, para outras duas pessoas.

 Dentro da casa dela foram encontrados diversos tonéis e álcool em gel com fortes indícios de adulteração. Quando questionada, a mulher não soube informar a procedência da mercadoria, além disso, confessou não ter autorização para manter a substância inflamável em casa.

A mulher foi autuada por manter e armazenar substância inflamável em casa sem autorização da Vigilância Sanitária, além de falsificar, corromper, adulterar ou alterar produtos destinados a fins terapêuticos ou medicinais.

Fonte: Banda B



Relacionados

Santa Terezinha de Itaipu | 01-04-2020 10:17

PRF prende homem e apreende arma na BR 277

PRF prende homem e apreende arma na BR 277

Céu Azul | 01-04-2020 09:40

PRF apreende dois veículos carregados com cigarros em Céu Azul

PRF apreende dois veículos carregados com cigarros em Céu Azul

Londrina | 01-04-2020 08:26

Idoso é morto dentro de casa durante assalto em Cambé

Idoso é morto dentro de casa durante assalto em Cambé

Foz do Iguaçu | 01-04-2020 08:24

Mulheres vítimas de violência recebem atendimento especial em Foz

Mulheres vítimas de violência recebem atendimento especial em Foz

PUBLICIDADE