Radar da PRF flagra ultrapassagem proibida na BR-277

Redação Tarobá News
Policial | Publicado em 11/01/2019 às 17:40

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) flagrou nesta sexta-feira (11) o motorista de uma caminhonete Volkswagen Saveiro que, além de estar acima da velocidade máxima permitida, fez uma manobra de ultrapassagem em local proibido pela sinalização.

O flagrante, gravado em vídeo com um radar portátil da PRF, foi feito na BR-277, em Porto Amazonas (PR). Na imagem, o veículo, que transitava da região de Curitiba sentido Campos Gerais, ultrapassa um motociclista no final de uma curva, a 117 km/h. A velocidade máxima sinalizada no local, que é um trecho de pista simples da rodovia, é 100 km/h.

O motorista receberá pelos Correios duas notificações de infração de trânsito. Uma, por ultrapassagem em local proibido (R$ 1.467 e sete pontos na carteira de habilitação). Outra, por transitar em velocidade até 20% superior à máxima permitida (R$ 130, quatro pontos).

Nos dez primeiros dias de 2019, entre 1º e 10 de janeiro, as equipes da PRF capturaram imagens de 9.983 veículos que transitavam acima do limite máximo de velocidade no Paraná. As multas por excesso de velocidade chegam a R$ 880, nos casos de veículos flagrados mais de 50% acima do limite máximo. Neste caso, os motoristas autuados respondem ainda a processos de suspensão da carteira. O prazo dessa suspensão varia de dois a oito meses.


 

Texto: Fernando Oliveira / Agência PRF



Relacionados

Ibiporã | 22-01-2019 18:51

Polícia prende suposto autor de violento sequestro relâmpago em Ibiporã

Polícia prende suposto autor de violento sequestro relâmpago em Ibiporã

Cascavel | 22-01-2019 16:25

Polícia apreende 6 kg de maconha no Santa Cruz

Polícia apreende 6 kg de maconha no Santa Cruz

Londrina | 22-01-2019 15:44

Homem se fere após cair de telhado na zona leste de Londrina

Homem se fere após cair de telhado na zona leste de Londrina

Chopinzinho | 22-01-2019 15:28

Criança de 2 anos estuprada pelo próprio pai corre risco de morte

Criança de 2 anos estuprada pelo próprio pai corre risco de morte

PUBLICIDADE