Segundo delegado, rapaz disse a GM que eles não seriam policiais

Larissa Maler
Policial | Publicado em 11/01/2019 às 17:40

Policia Civil falou novamente nesta tarde (11), sobre o caso do jovem que apanhou de dois Guardas Municipais em Cascavel.

Segundo o delegado da Polícia Civil, Rodrigo Baptista, terá um terceiro passo nesse caso, agora será feito pedido a Prefeitura da ficha funcional para verificar o histórico dos três Guardas.

Nesta tarde, o mototaxista foi ouvido na delegacia e contou que durante a abordagem, o guarda pediu para o rapaz levantar a camiseta, e aí ele ficou nervoso e questionou a atitude, dizendo que eles não eram policiais, mas em nenhum momento xingou os servidores. Ele relatou que viu o momento das agressões, mas que não quis se meter por não conhecer a vítima.

O inquérito deve ser finalizado no máximo em 30 dias.


Leia mais: Mototaxista que presenciou agressão de GMs presta depoimento 

Vítima de agressão por GM's é ouvido pela Polícia Civil

Jovem que foi agredido por GM's relata que não houve desacato




Relacionados

Londrina | 22-03-2019 16:31

Polícia Militar fecha avenida Higienópolis em suspeita de roubo com refém

Polícia Militar fecha avenida Higienópolis em suspeita de roubo com refém

Curitiba | 22-03-2019 16:23

Aluno entra com faca em escola de Curitiba e PM é chamada; ele teria ameaçado professora

Aluno entra com faca em escola de Curitiba e PM é chamada; ele teria ameaçado professora

Ibiporã | 22-03-2019 15:54

Aluno que ameaçou atirar em colegas pede desculpas pela "brincadeira"

Aluno que ameaçou atirar em colegas pede desculpas pela "brincadeira"

Cascavel | 22-03-2019 12:40

PRF recupera moto furtada e detém suspeito

PRF recupera moto furtada e detém suspeito

PUBLICIDADE