Linha 4

Publicidade

Vídeos mostram discussão antes de socorrista do Samu ser morto

Redação Tarobá News

Vídeos que estão circulando nas redes sociais mostram uma discussão antes da morte de Luciano Aparecido Confortin, 36 anos, no último dia 21, em Nova Aurora.

Nas imagens é possível ver o momento em que os três homens brigam dentro de uma lanchonete. Logo depois, em novas imagens a briga já acontece na rua.

Algumas pessoas tentam parar a discussão, mas não é possível. Nos últimos minutos é possível ver as pessoas correndo em direção ao estabelecimento. Luciano foi atingido por disparos de arma de fogo, e morreu no local.

O CASO

Apesar de se apresentarem na Delegacia de Polícia Civil de Cascavel, os irmãos Wilchen não ficarão presos por não haver prisão preventiva contra eles.

De acordo com o advogado deles, Luciano Katarinhuk, ambos não se apresentaram em Nova Aurora por questão de segurança, temendo algo contra a vida deles diante do calor de revolta, principalmente dos familiares da vítima.

Os irmãos se dizem muito arrependidos pelo ocorrido e que perderam a cabeça, mas responderão em liberdade.

Já o pai, Anir, inconsolável, pede perdão à família de Luciano Confortin, afirmando que reside há trinta anos em Nova Aurora e jamais foi de violência. Lamenta muito por tudo o que os filhos fizeram.

O pai, assim como os filhos e o advogado prestaram depoimentos à Polícia, e concederam entrevista à TV Tarobá, que irá ao ar nesta quinta no programa Tempo Quente.

Informações: repórter José Daniel

Leia mais: Socorrista do Samu morre após briga em bar

COMENTÁRIOS

Publicidade

Publicidade