Londrina
Cascavel

TV Tarobá

Tarobá FM

  • Londrina
  • Cascavel

Alunos da rede municipal do projeto de judô ganham quimonos

24/05/22 às 20:52 - Escrito por Redação Tarobá News

Mais de 100 alunos da Escola Municipal Ignez Corso Andreazza, no conjunto Vivi Xavier, região norte de Londrina, receberam quimonos para prática do judô no contraturno escolar.  Os estudantes estão matriculados no projeto gratuito promovido pela Prefeitura de Londrina, por meio da Secretaria Municipal de Educação (SME), em conjunto com a Associação Londrinense de Judô.

A solenidade de entrega da vestimenta foi realizada no sábado (21), no período da manhã, com a presença do prefeito Marcelo Belinati; da secretária Municipal de Educação, Maria Tereza Paschoal de Moraes; do presidente da Fundação de Esportes (FEL), Marcelo Oguido, do presidente da Associação Londrinense de Judô, André Felipe Marques, além do representante da Federação Paranaense de Judô, Liogi Suzuki.

O prefeito Marcelo Belinati afirmou que é muito importante, para a criança, a prática de atividades esportivas e de arte marcial. “A arte marcial dá direcionamento para as pessoas, passa princípios, valores, bons ensinamentos, que a criança vai levar para a vida toda”, disse.

Marcelo parabenizou os pais e os professores pelo trabalho. “Este é um projeto muito bacana da Prefeitura de Londrina. Além do judô, neste ano temos projeto de dança, circo e teatro, e vamos continuar nos próximos anos”, completou.

A primeira criança que recebeu o quimono foi a aluna Maria Fernanda do 5º ano. Ela recebeu a vestimenta das mãos do prefeito. O projeto de artes marciais faz parte da parceria firmada recentemente pela SME com cinco entidades culturais e esportivas de Londrina para a realização de ações junto a 2.200 alunos de 37 escolas municipais. Ao todo, serão investidos R$ 540 mil para a realização das oficinas no decorrer de 2022, oferecendo projetos de artes marciais, dança, arte circense, teatro e canto coral aos alunos da rede.

“Neste ano, a SME ampliou os recursos para projetos extracurriculares passando de R$ 100 mil para R$ 534 mil. No caso do judô, já estamos entregando o quimono na terceira escola, lembrando que o projeto contempla toda a infraestrutura como o tatame e o quimono. São mais de 1.300 crianças atendidas e a ideia é ampliarmos os projetos no próximo ano”, disse a secretária municipal de Educação, Maria Tereza Paschoal de Moraes.

A diretora da escola Escola Municipal Ignez Corso Andreazza, Roseli Grana, destacou que o projeto de judô é muito importante e tem ajudado as crianças no desenvolvimento escolar e pessoal. “Já percebemos melhora no comportamento das crianças atendidas pelo projeto. Além de contribuir com a educação dos alunos, o judô passa valores como respeito com o próximo e ajuda na aprendizagem”, afirmou.

Desde fevereiro, alunos do Ensino Fundamental Escola Municipal Ignez Corso Andreazza estão participando de aulas de judô, gratuitamente, através do projeto. Também estão participando outras três escolas municipais: América Sabino Coimbra, Osvaldo Cruz e Eugênio Brugin. Todos os alunos do projeto receberão um quimono, que é a vestimenta utilizada durante a luta, para que tenham condições adequadas para praticar o esporte.

As aulas são ministradas nas sedes das escolas, pela Associação Londrinense de Judô, sob coordenação de Thaisa Costa Dias e dos professores Kesseley Tamara Prestes dos Nascimento e Andrey Arcini Ferreira. As atividades acontecem de uma a duas vezes por semana e serão realizadas até dezembro, dentro do calendário escolar.

Também participaram da solenidade, o vice-prefeito, João Mendonça; o presidente da Companhia Municipal de Trânsito e Urbanização (CMTU), Marcelo Cortez, e o vereador Jairo Tamura, presidente da Câmara de Vereadores.

© Copyright 2022 Grupo Tarobá