Londrina
Cascavel
  • Londrina
  • Cascavel

Patrocínio do FEIPE fortalece vôlei de alto rendimento em Londrina

05/05/22 às 22:00 - Escrito por Redação Tarobá News
siga o Tarobá News no Google News!

Os jovens de Londrina que gostam de praticar esporte e tem vontade de se profissionalizar no vôlei podem se inscrever na escolinha de vôlei do projeto Voleibol XXI de Outubro. A iniciativa está com vagas abertas até o final do mês de maio e os interessados devem preencher o formulário disponível no site do projeto (https://linktr.ee/Voleibolxxideoutubro), que é realizado pela Associação Atlética Acadêmica de Educação Física XXI de Outubro da Universidade Estadual de Londrina (UEL) e conta com o patrocínio financeiro da Prefeitura Municipal, por meio do Fundo Especial de Incentivo a Projetos Esportivos (Feipe) da Fundação de Esportes de Londrina (FEL).

De acordo com o gestor, coordenador e técnico do projeto Voleibol XXI de Outubro, Matheus Rodrigues de Carvalho Elias, podem se inscrever na escolinha gratuita de vôlei os jovens nascidos nos anos de 2005, 2006 e 2007, que são iniciantes ou intermediários, ou seja, que participam de projetos nas escolas, clubes e associações, mas que nunca tiveram experiência em competições oficiais.

As aulas serão realizadas no período da tarde, nas quadras Centro de Educação Física e Esporte (CEFE), que fica na UEL. Até o momento, 30 adolescentes já se inscreveram, sendo que, ao todo, há 50 vagas. “Pretendemos colocar mais jovens das escolas estaduais, municipais e particulares no projeto, para treiná-los na iniciação aos jogos escolares e, posteriormente, para as competições representando Londrina e UEL. É aí que saem os talentos no esporte”, disse.

Leia mais:

Imagem de destaque
{{text.value}}

Atletas de Londrina participam da fase regional dos Jogos da Juventude do Paraná

Imagem de destaque
{{text.value}}

Brasil mantém 100% de aproveitamento na Liga das Nações

Imagem de destaque
{{text.value}}

Brasil vence a segunda na Liga das Nações feminina: 3 a 0 na Polônia

Imagem de destaque
{{text.value}}

Seleção feminina estreia com vitória na Liga das Nações

O projeto engloba várias equipes, tendo 14 atletas treinando e competindo no universitário feminino (representando a UEL), 16 no adulto (representando o Município de Londrina e a UEL); 18 atletas do sub-17 ao sub-19, além dos novos alunos que vão compor a Escolinha de Vôlei. A iniciativa, que existe desde 2020, oferece treinamento aos atletas que têm perspectivas de se tornarem jogadores de alto rendimento em Londrina.

“Quero fazer o que os outros projetos não fazem, ir além do vôlei e incentivar a educação, fazer com que os alunos tenham interesse em estudar na UEL, que consigam entrar na universidade e continuem jogando vôlei, se dedicando e representando a cidade e a universidade nas competições de alto rendimento, nos Jogos Escolares. Acredito que consigo usar o esporte como ferramenta de transformação, porque eu joguei vôlei até os 21 anos, vim de São Paulo e estudei na UEL, fiz especialização e mestrado em Análise de Comportamento e hoje sou treinador. Quero que eles vejam que isso é possível e que venham outros Matheus”, contou o gestor, coordenador e técnico do projeto Voleibol XXI de Outubro.

Para tanto, todos os jovens e adultos que participam do projeto têm um acompanhamento da frequência escolar e de notas do histórico acadêmico e da escola. Além disso, o técnico reúne-se com os pedagogos escolares para acompanhar a aprendizagem dos participantes.

Competições – Nos dias 20 e 21 de maio, a equipe jogará em Ivaiporã, na etapa do Paranaense de Voleibol. Em abril desse ano, os atletas do projeto participaram do Campeonato Paranaense Sub-19, Série A, em São José dos Pinhais, sendo que a segunda etapa da competição será realizada entre os dias 25 a 28 de agosto, em Maringá.

A Prefeitura de Londrina patrocina os times do projeto através do Feipe. Neste ano, estão sendo investidos R$ 60 mil na categoria adulto e R$ 90 mil na categoria juventude. Com o dinheiro, o projeto investe em equipamentos para os treinos, assim como financia os gastos com as viagens para as competições pelo Estado do Paraná e outros. “Em 2020 passamos a concorrer no Feipe da Prefeitura de Londrina e estamos há três anos come essa parceria, que faz muita diferença para o projeto e contribui bastante para a gente ter recursos para as viagens, materiais e treinos, porque as competições são caras, tem as hospedagens, o transporte, a alimentação e a ajuda de custo para os atletas e treinadores. Sem esse investimento dificultaria o trabalho”, explicou o treinador.

Para o presidente da Fundação de Esportes de Londrina, Marcelo Oguido, é muito importante o que a Prefeitura de Londrina faz pelo esporte local, especialmente, através do financiamento do Feipe. “Sabemos que o esporte consegue mudar a vida das pessoas. Por isso, nós da Fundação de Esportes estamos sempre buscando melhorar nosso trabalho e divulgar os editais do Feipe, para que cada vez mais projetos se inscrevam e descubram os talentos que existem na nossa cidade. Damos parabéns ao projeto da UEL e esperamos que mais iniciativas assim aconteçam em Londrina”, disse Oguido.

As empresas e órgãos públicos que quiserem ajudar no patrocínio ao projeto podem entrar em contato pelo Instagram @voleibolxxideoutubrolondrina (clique aqui). Já no site https://linktr.ee/Voleibolxxideoutubro os jovens e adultos conseguem se inscrever nas seletivas.


Notícias relacionadas

© Copyright 2023 Grupo Tarobá