Londrina
Cascavel
  • Londrina
  • Cascavel

Padre é afastado após ser flagrado beijando coroinha em MG

27/07/17 às 19:10 - Escrito por Estadão Conteúdo
siga o Tarobá News no Google News!

Um padre de Arceburgo, no sul de Minas Gerais, foi afastado de suas funções sob a acusação de estupro contra uma menina de 14 anos. A vítima, que é coroinha da igreja, aparece em um vídeo sem a blusa sendo beijada e abraçada pelo religioso em uma cama.

Ela e a mãe foram ouvidas pela polícia nesta quinta-feira, 27, após o vídeo repercutir na internet. Também prestaram depoimentos outros coroinhas da igreja. A gravação teria sido feita em março pela própria vítima, que depois enviou a outro coroinha que divulgou as cenas.

O padre não quis comentar o ocorrido, mas à polícia alegou que apenas passou um óleo na barriga da menina, que teria reclamado de cólica. Nesta semana ele foi transferido para um retiro no interior de São Paulo.

Leia mais:

Praia do Capri, em São Francisco do Sul, é um dos locais que pode afundar até 2050
ELEVAÇÃO DO MAR

Levantamento aponta cinco cidades que podem "afundar" em SC até 2050

Imagem de destaque
SINTFUB

Professores da UnB aprovam greve a partir de 15 de abril

Imagem de destaque
APOSTAS ABERTAS

Mega-Sena sorteia nesta terça prêmio acumulado em R$ 43 milhões

Imagem de destaque
COM CADASTRO RESERVA

BNDES abre concurso em 2024 para 150 vagas de nível superior

Afastamento

A Diocese de Guaxupé (MG), a qual ele está subordinado, informou que determinou a suspensão "de imediato do referido sacerdote, com o intuito de averiguar os possíveis fatos e acontecimentos". Em nota, esclareceu ainda que "o objetivo desta medida cautelosa é contribuir para o bem estar da comunidade local e diocesana".

© Copyright 2023 Grupo Tarobá