Londrina
Cascavel
  • Londrina
  • Cascavel

Quadrilha que anunciava produtos pela internet e não os entregava é presa

31/05/17 às 09:10 - Escrito por Redação Tarobá News
siga o Tarobá News no Google News!

Um grupo de estelionatários que anunciava a venda de produtos pela internet e não os entregava é alvo de uma operação da Polícia Civil de Lençóis Paulista, na região de Bauru, no interior de São Paulo, nesta quarta-feira, 31. Até as 8 horas, 13 pessoas já haviam sido presas e 12 foram conduzidas coercitivamente para depoimentos. Também foram apreendidos carros das marcas Jaguar, Corolla e Cruise, além de R$ 7 mil em dinheiro.

Os líderes da quadrilha eram dois irmãos, Tales e Thiago Martins, de 27 e 24 anos. Eles eram especializados em golpes contra compradores de eletrônicos como smartphones, computadores e videogames através de websites de classificados.

Ao menos 80 consumidores foram prejudicados em todo o País, conforme a investigação coordenada pelo delegado Luiz Claudio Massa.

Leia mais:

Imagem de destaque
ENTENDA

Moraes suspende lei que proibia linguagem neutra em escolas

Imagem de destaque
PARCELA DE MAIO

Caixa paga Bolsa Família a beneficiários com NIS de final 2

Imagem de destaque
LABIC BRASIL

Inscrições para Redes de Formação em Cultura Digital estão abertas

Imagem de destaque
PUBLICADA

MP do Auxílio Reconstrução do Rio Grande do Sul entra em vigor

"Eles anunciavam na OLX e, aproveitando-se do veículo Jaguar, que é caro e impressionava, tiravam foto dos produtos mostrando o veículo no fundo", relata o delegado.

As contas informadas para que os clientes depositassem os valores eram alugadas de outras pessoas usadas como laranjas. Todas as contas estavam registradas no município de Lençóis Paulista, onde o grupo foi localizado.

Os criminosos foram rastreados através de quebra de endereços de IP e interceptações telefônicas, segundo o delegado. A investigação começou há cerca de três meses, mas há registros mais antigos da atuação do grupo.

Notícias relacionadas

© Copyright 2023 Grupo Tarobá