Linha 4

Publicidade

Centro de Atendimento à Pessoa com Deficiência está em obras e deve atender 21 municípios

Redação Tarobá News

Um Centro de Atendimento à Pessoa com Deficiência está sendo construído no Jardim Sabará, região oeste, ao lado da Unidade de Pronto-Atendimento (UPA) Sabará, e promete ser referência estadual e nacional no atendimento a pessoas com deficiência. A unidade será voltada ao atendimento interdisciplinar e reabilitação de pessoas com deficiência intelectual, auditiva ou física, de natureza temporária ou permanente; progressiva, regressiva ou estável; intermitente e contínua.

“Esta é uma obra de grande relevância social, Londrina e toda região contará com um centro de reabilitação que será referência para todo o país. Verificamos que a parte de terraplanagem já está pronta e agora está sendo feita a alvenaria”, apontou o secretário municipal de Planejamento, Orçamento e Tecnologia, Marcelo Canhada.

O local será administrada pelo Consórcio Intermunicipal de Saúde do Médio Paranapanema (Cismepar), parceiro do Município. Com área total de 15.600,41 m2, o terreno onde está sendo construído o Centro foi doado pela Prefeitura de Londrina.

A realização dos serviços está sendo feita pela PGC Engenharia de Obras Ltda., empresa contratada via processo licitatório viabilizado pelo Cismepar. O investimento total do Centro é de R$ 5.241.912, recurso viabilizados em 2016, advindos de emendas parlamentares diferentes. As obras começaram em setembro de 2021 e o prazo de execução é de 12 meses, contados a partir do início das obras.

Ao todo, a construção terá 1690 m2 e contará com recepção e sala de espera, 12 consultórios gerais, 14 salas/box de terapia, uma cabine acústica, depósito de materiais de limpeza, vestiários masculino e feminino, e almoxarifado. Também estão incluídos refeitório, sala de coordenação, arquivo, administração, dois blocos de sanitários, sala de macas; e sala de reuniões.

O Centro de Atendimento à Pessoa com Deficiência poderá beneficiar mais de 100 mil pessoas com deficiência que residem nos 21 municípios da Região de Saúde do Médio Paranapanema. Atuando de forma interprofissional e intersetorial, o local vai dispor de uma capacidade instalada para atendimento a cerca de 550 pessoas por mês.

A equipe do Centro será formada por cerca de 40 profissionais de diferentes áreas de atuação, incluindo fisioterapia, psicologia, nutrição, fonoaudiologia, medicina, enfermagem, serviço social, educação física, pedagogia, música e terapia ocupacional, entre outras.

COMENTÁRIOS

Publicidade

Publicidade

Nós usamos cookies teste site para lhe proporcionar a melhor experiência possível lembrando de preferências em visitas anteriores. Clicando em "Aceitar" você aceita o uso de cookies e nossos Termos de Uso.