IPEM fiscaliza possíveis irregularidades em produtos de Páscoa

Redação Tarobá News
Economia | Publicado em 15/04/2019 às 19:55

O Instituto de Pesos e Medidas, Ipem, está analisando produtos de Páscoa que possam conter irregularidades. A orientação para o consumidor é que pese o produto no mercado, no ato da compra.

O teste é para conferir se as informações da embalagem são verdadeiras. Na fiscalização do Ipem, 13 amostras são pesadas. No caso dos peixes congelados, o risco do peso não corresponder é maior. Mais de 5 mil produtos de páscoa foram vistoriados. E o Ipem recolheu para o exame oficial amostras de 21 mercados da cidade. Além dos pescados, ovos de páscoa, chocolates, colombas pascais. Até agora mais de 450 produtos passaram pela balança.

As empresas estão mais atentas: os fiscais do Ipem contam que o número de irregularidades nos produtos tem caído nos últimos dois anos. Até agora, apenas 3 produtos foram reprovados – entre os produtos com peso abaixo do indicado estavam uma colomba pascal, um atum e posta de tilápia.

As multas para as empresas podem variar de R$ 100,00 a R$ 1 milhão e meio de reais. Entre os produtos com peso abaixo do indicado estavam uma colomba pascal, um atum e posta de tilápia.



Relacionados

Economia | 18-04-2019 09:05

Usiminas tem lucro líquido de R$ 76 milhões no 1º trimestre (-51,6% em um ano)

Usiminas tem lucro líquido de R$ 76 milhões no 1º trimestre (-51,6% em um ano)

Economia | 18-04-2019 08:50

Japão mantém avaliação de recuperação moderada da economia

Japão mantém avaliação de recuperação moderada da economia

Economia | 18-04-2019 07:40

'Longo prazo é para jovens como eu'

'Longo prazo é para jovens como eu'

Economia | 18-04-2019 07:15

Reajuste divide caminhoneiros e parte da categoria ameaça greve

Reajuste divide caminhoneiros e parte da categoria ameaça greve