Meirelles: 'Brasil voltou a crescer, é um fato'

Estadão Conteúdo
Economia | Publicado em 01/06/2017 às 15:15

Apesar de reconhecer que a economia pode sofrer alguma acomodação após a retomada do crescimento no primeiro trimestre, o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, diz que a expansão da atividade é um fato. Meirelles adverte que não dá para negar a mudança de trajetória da economia. "Nada mais brutal do que o fato, como já dizia um famoso escritor brasileiro. O Brasil voltou a crescer. Não adianta lutar contra isso. É um fato."

Antes de almoço com representantes da Associação Nacional de Jornais (ANJ), Meirelles reconheceu que, após o crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) no primeiro trimestre, "há expectativa de acomodação" no curto prazo. "Não é a perspectiva de volta da recessão. Ninguém está falando em volta da recessão", disse. "Vamos aguardar com calma, serenidade. O Brasil está na direção certa."

O ministro explica que "é normal" que haja essa acomodação. "É muito raro na economia que todos os trimestres sejam iguais. Não há trajetória reta, nem todo trimestre igual ao outro", disse Meirelles, ao citar que, quando a economia volta a crescer, é comum que as empresas aumentem estoques e, assim, demandem menos nos meses imediatamente posteriores.

O ministro deu como exemplo o comportamento da indústria, que registrou crescimento "forte" no primeiro trimestre. "Depois, houve uma acomodação no mês de abril, o que é absolutamente esperado", disse. "As companhias aumentaram o estoque e fizeram ajuste. Agora, a expectativa é que continue crescer", disse.

Sobre o atual nível de ocupação dos trabalhadores, o ministro acredita que a volta do emprego vai ganhar força ao longo do ano. Meirelles lembrou que houve aumento real de renda, no atual contexto de desaceleração da inflação, o que também ajuda a economia. "Isso facilita o crescimento e a criança de empregos, que, por sua vez, também reforça o crescimento. Nós, que estávamos em espiral para baixo, entramos em uma espiral positiva, subindo."



Relacionados

Economia | 22-05-2018 21:50

Política de preços de combustíveis permanece inalterada, diz Petrobras

Política de preços de combustíveis permanece inalterada, diz Petrobras

Economia | 22-05-2018 21:45

Plataforma para acordo de poupadores sobre planos tem 3.250 cadastros no 1º dia

Plataforma para acordo de poupadores sobre planos tem 3.250 cadastros no 1º dia

Economia | 22-05-2018 19:40

Paranaguá: com bloqueios, volume de cargas que entram no porto volta a cair

Paranaguá: com bloqueios, volume de cargas que entram no porto volta a cair

Economia | 22-05-2018 19:35

Jungmann: existem efeitos da greve dos caminhoneiros, mas são pontuais

Jungmann: existem efeitos da greve dos caminhoneiros, mas são pontuais

PUBLICIDADE