Muffato gera mais de 1 mil empregos em 2018

Redação Tarobá News
Economia | Publicado em 14/01/2019 às 10:46

O Grupo Muffato – quinta maior rede de supermercados do país - manteve seus investimentos planejados para 2018 e contratou 1.180 novos colaboradores durante o ano, sendo 52% do sexo feminino e 48% do sexo masculino. A maior parte dos contratados tem entre 29 e 39 anos e 20% têm idade superior a 40 anos. Somando os empregos diretos com os indiretos, a rede gerou mais de 1.600 novos postos de trabalho, contribuindo para o desenvolvimento das cidades onde atua. “Mesmo com os muitos desafios econômicos, incluindo a deflação que atingiu o setor, demos continuidade ao nosso plano de expansão com a abertura de cinco lojas e a ampliação de outras cinco, dando oportunidades para todos, do primeiro emprego ao colaborador mais experiente”, comenta o diretor do Grupo, Everton Muffato.

Foram inauguradas quatro lojas sob a bandeira Max Atacadista (atacarejo) em Arapongas, Londrina, Foz do Iguaçu e Rio Preto (SP) e uma loja do Super Muffato (varejo) no Shopping Catuaí em Maringá. “Com a unidade de Rio Preto estamos com sete lojas no interior de São Paulo e levamos nossa bandeira de atacarejo para Arapongas e Londrina, onde ainda não atuávamos com a marca Max Atacadista”, conta Everton.

Além das cinco inaugurações, também houve a ampliação e modernização de cinco unidades do Super Muffato nas cidades paranaenses de Campo Mourão, Foz do Iguaçu, Ibiporã, Londrina e São José dos Pinhais. Os treinamentos e cursos ministrados pela Unifato - Universidade Corporativa do Grupo Muffato - também foram intensificados em todos os níveis hierárquicos, priorizando aqueles com foco em liderança e atendimento ao cliente.

O Grupo Muffato começa 2019 com 57 lojas e 13,7 mil colaboradores diretos, além de gerar mais de cinco mil empregos indiretos. “Temos quase 20 mil famílias que dependem da nossa capacidade de continuar fomentando a economia. É grande nossa responsabilidade e continuaremos a trabalhar incansavelmente para manter nosso ritmo de crescimento”, garante Everton.

Segundo o diretor, o planejamento estratégico deste ano mantém os investimentos na abertura de novas unidades e na modernização das já existentes. Em termos de inauguração, o Grupo já anunciou duas novas lojas do Max Atacadista na Grande Curitiba nos municípios de Fazenda Rio Grande e Araucária. “Vem mais novidade por aí, mas ainda não podemos adiantar. Acreditamos que as medidas econômicas anunciadas pelo novo Governo, se aprovadas pelo Congresso, darão um novo gás à economia brasileira e podem trazer bons frutos a médio prazo para o varejo”, analisa Everton.



Relacionados

Economia | 19-03-2019 18:20

Ibovespa cai 0,41%, à espera de previdência de militares, Copom e Fed

Ibovespa cai 0,41%, à espera de previdência de militares, Copom e Fed

Economia | 19-03-2019 18:15

Dólar tem 3ª queda seguida, mas ritmo de baixa se reduz com cautela antes do Fed

Dólar tem 3ª queda seguida, mas ritmo de baixa se reduz com cautela antes do Fed

Economia | 19-03-2019 17:20

Francischini acredita já ter maioria para aprovar Previdência na CCJ

Francischini acredita já ter maioria para aprovar Previdência na CCJ

Economia | 19-03-2019 17:10

Maia e Alcolumbre vão dar agilidade ao trâmite da reforma, diz Flávio Bolsonaro

Maia e Alcolumbre vão dar agilidade ao trâmite da reforma, diz Flávio Bolsonaro