Ciro propõe nova reforma trabalhista e diverge com Bolsonaro sobre educação

Estadão Conteúdo
Política | Publicado em 10/08/2018 às 01:30

Foto: Estadão

O candidato Ciro Gomes (PDT) defendeu durante debate na Band a discussão de uma nova reforma trabalhista, para "corrigir as imperfeições" da lei atual. "A gente tem que fazer uma reforma que proteja o trabalhador, que proteja o lado mais fraco", afirmou Ciro.

O ex-ministro reafirmou que vai gerar 2 milhões de empregos e disse que vai ajudar a "limpar o nome" das pessoas que estão registradas em serviços de proteção ao crédito.

Em embate com Jair Bolsonaro (PSL), Ciro defendeu a mudança no padrão de ensino, substituindo o que chamou de "decoreba" e reforçando o orçamento destinado à área.

Para o deputado fluminense, a hierarquia e a disciplina têm de se fazer presentes nas escolas. "Havendo meios, nós devemos fazer um colégio militar em cada Estado cuja capital não o tenha", afirmou.



Relacionados

Política | 21-02-2020 16:45

Gilmar mantém Neudo Campos na prisão por desvios de R$ 300 milhões

Gilmar mantém Neudo Campos na prisão por desvios de R$ 300 milhões

Curitiba | 21-02-2020 16:06

Cleiton Costa será o próximo artista a receber o mérito “Darci Israel”

Cleiton Costa será o próximo artista a receber o mérito “Darci Israel”

Ponta Grossa | 21-02-2020 16:04

Ponta Grossa deve adotar medidas sugeridas pelo controle interno

Ponta Grossa deve adotar medidas sugeridas pelo controle interno

Cascavel | 21-02-2020 14:55

"A Grande imprensa" do Brasil revela-se sombria

"A Grande imprensa" do Brasil revela-se sombria

PUBLICIDADE