MP recomenda que vereador devolva salários que recebeu do Executivo

Redação Tarobá News
Política | Publicado em 22/08/2019 às 15:58

O vereador Leandro Sergio Bezerra, conhecido como "Leandro Zoi de Gato" (Foto: reprodução/Facebook)

O Ministério Público expediu nesta quinta-feira (22) uma recomendação administrativa a um vereador da cidade para ressarcimento de valores ao Executivo. Segundo o MP, Leandro Sergio Bezerra, conhecido como "Leandro Zoi de Gato", é também servidor da prefeitura.

De acordo com a recomendação administrativa, Leandro recebeu sem descontos os salários da Prefeitura em dias em que não foi trabalhar por estar em cursos fora da cidade pelo Legislativo, recebendo diárias para tanto.

A Promotoria propõe ao vereador que faça “o ressarcimento dos valores correspondentes às faltas remuneradas por meio de diárias pagas pela Câmara Municipal, nos anos de 2017, 2018 e 2019, não descontadas em sua folha de pagamento junto ao Executivo Municipal”. O MP destaca que o recebimento dos vencimentos nos dias em que não cumpriu expediente nessa situação configura improbidade administrativa e enriquecimento ilícito.

A situação chegou ao Ministério Público a partir de denúncia anônima recebida pelo Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco). Foi dado prazo de dez dias para que o vereador responda a recomendação.

O portal TarobáNews entrou em contato com o vereador, mas ele ainda não se pronunciou sobre o assunto. 



Relacionados

Política | 03-07-2020 11:55

PF indicia Ibaneis por omissão de valores desviados de candidaturas 'laranjas'

PF indicia Ibaneis por omissão de valores desviados de candidaturas 'laranjas'

Política | 03-07-2020 11:40

Congresso prorroga vigência de 3 MPs por mais 60 dias

Congresso prorroga vigência de 3 MPs por mais 60 dias

Política | 03-07-2020 08:35

Lava Jato denuncia Serra e filha por lavagem de propinas da Odebrecht no Rodoanel

Lava Jato denuncia Serra e filha por lavagem de propinas da Odebrecht no Rodoanel

Política | 03-07-2020 07:10

Bolsonaros aderem a rede social de direita

Bolsonaros aderem a rede social de direita