Linha 4

Publicidade

Vereador preso será empossado na cadeia por videoconferência na região de Londrina

Redação Tarobá News

Foto: arquivo pessoal/Facebook

O vereador eleito Diogo Canata, em Alvorada do Sul (Região Metropolitana de Londrina) será empossado nesta quarta-feira (13), às 11h40. A cerimônia será por videoconferência, já que o político está preso desde julho de 2020. A suspeita é que ele seria responsável por chefiar o tráfico de drogas na cidade.

A posse foi determinada pela Justiça, após o pedido do advogado de defesa de Canata. O vereador foi o quarto mais votado na cidade, com 251 votos.

“A Câmara tem apenas a atribuição que é de dar posse ao candidato eleito. Num segundo momento, vamos avaliar a atribuição quanto ao exercício do cargo. Esse ponto será discutido, pois ainda não temos uma posição da Câmara sobre isso”, aponta a defesa, o advogado Carlos Lopes Lamerato.

A Câmara havia negado o pedido de posse e por isso a defesa foi à Justiça. Ele seria representado pela esposa, por meio de uma procuração.

Pelo fato de estar preso, ele não deve receber o salário. O vereador tem até 120 dias, quatro meses, para assumir o cargo. Se nesse período não for solto, o suplente assume a vaga.

O processo contra o vereador está em andamento, e segundo a defesa, sem condenação, não haveria nada que impedisse a posse. "A suspensão dos direitos políticos ocorre apenas em casos de condenação criminal e quando não cabe mais recurso. Não é o caso aqui".

COMENTÁRIOS

Publicidade

Publicidade