Linha 4

Publicidade

PRF flagra caminhoneiro com "rebite" durante abordagem em Cascavel

Redação Tarobá News

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) abordou um motorista de caminhão na BR-277, em Cascavel (PR), durante uma fiscalização de trânsito. Durante a vistoria dentro da cabine, os policiais encontraram 35 comprimidos de "rebite", usados amplamente por alguns motoristas profissionais para aumentar o desempenho e o tempo de direção no volante.

Em verificação no veículo, os policiais perceberam que o o caminhão estava com uma das placas de identificação apagada, a suspensão alterada (muito elevada, causando prejuízos à estabilidade e com grande potencial de acidente), dois pneus carecas, iluminação alterada, tacógrafo não aferido pelo Inmetro, retrovisor direito quebrado e faltava ainda, o triângulo e o macaco.

O motorista saiu no dia 6 do Espírito Santo, com destino a Foz do Iguaçu (PR), para entregar equipamentos para trabalho com corte de granito. Segundo os policiais, ele dirigiu sem descanso entre os dias 6 e 8 e voltava, nesta quinta, para o Espírito Santo. Em um intervalo de 50 horas descansou apenas 15, sem nenhum intervalo superior a quatro horas.

Os policiais elaboraram um Termo Circunstanciado de Ocorrência pela posse da droga (rebite) e o motorista se comprometeu a comparecer em juízo quando intimado. Segundo a PRF, o motorista não estava sob o efeito da substância por isso foi liberado. 

Dados da PRF aponta que em 2019 foram 138 infrações para motoristas que estavam dirigindo sob influência de substâncias proibidas, em 2020 foram 91 e 2021 registraram nove. O inspetor Alisson Vidor explica que uma equipamento está sendo desenvolvido para atestar se o condutor usou algum tipo de droga ou remédio para dirigir. 

Ainda, na mesma fiscalização, os policiais flagraram outro motorista dormindo em um caminhão, que estava estacionado. Ele dirigiu por 22 horas.

PRF

COMENTÁRIOS

Publicidade

Publicidade