Londrina
Cascavel
  • Londrina
  • Cascavel

Moção de aplauso homenageia Pedro Muffato por vitória em etapa da Fórmula Truck

29/08/22 às 11:08 - Escrito por Assessoria

A Câmara Municipal aprovou, na sessão desta segunda-feira (29), a Moção de Aplauso ao piloto cascavelense Pedro Muffato, que aos 82 anos de idade venceu no último dia 14 a 4ª etapa da Fórmula Truck. A Moção nº 66/2022 foi proposta pelo vereador Alécio Espínola (PSC) e recebeu os votos favoráveis de todos os parlamentares.


Muffato subiu ao pódio duas vezes na etapa que foi disputada em Cascavel. Ele venceu as corridas 1 e 2 na categoria Eletrônico, depois de disputa e emoções na chegada. O piloto começou a correr com caminhões em 2000, convidado pelo organizador da Fórmula Truck, o já falecido Aroldo Batista Félix.


Mas a longa história de pioneirismo e sucesso de Pedro Muffato no automobilismo começou em 1966, com sua primeira corrida. Nos anos 70, se notabilizou por vencer várias vezes a prova “Cascavel de Ouro” e por ter sido campeão paranaense e brasileiro. Na década de 80, ele desenvolveu um carro de corrida em Cascavel, o Muffatão, com tecnologia argentina, que teve um excelente desempenho e conquistou várias provas internacionais na América do Sul.


No entanto, em 1996 o piloto sofreu um grave acidente, quando foi atingido por outro carro a quase 200 km/hora. Internado em Cascavel e depois no Hospital Albert Einstein, em São Paulo, Pedro Muffato ficou 16 dias em coma, com múltiplas fraturas. Mesmo com o prognóstico de que nunca mais retornaria às pistas, ele se recuperou e voltou na década de 2000, dessa vez correndo com caminhões. Muffato também teve carreira na política, tendo sido vereador e prefeito da cidade.


“É difícil encontrar palavras para agradecer esse momento que os senhores vereadores e as senhoras vereadoras estão me proporcionando. Essa homenagem não é só para mim, é para Cascavel e para todos os que fizeram isso acontecer. A gente quando está correndo nem sente muito porque tem que se concentrar no que está fazendo. Aquela última volta parecia uma coisa de Deus, foi incrível e uma coisa que talvez nunca mais vai se repetir, uma das melhores voltas que já dei na vida”, testemunhou o veterano piloto em sua fala na tribuna.


Confira mais detalhes na reportagem exibida no Tarobá Esporte: 


© Copyright 2022 Grupo Tarobá